Conheça o POCO M3 Pro 5G! O baratinho da XIAOMI com 5G

Celular traz maioria das especificações idênticas ao Redmi Note 10 5G, mas por um preço menor

A Xiaomi anunciou hoje, através de sua submarca POCO, o POCO M3 Pro 5G, versão aprimorada do POCO M3 já testado aqui no Mundo Conectado

Confira abaixo os detalhes do novo celular que está sendo vendido como o mais barato do mundo com 5G.


POCO M3 Pro 5G e o sucesso da marca

Evento de anúncio

A Xiaomi começou seu evento destacando o sucesso da marca POCO. Segundo a empresa, ela está sempre ouvindo seus fãs e aplicando seus feedbacks, desta forma consegue acertar no que as pessoas pedem para os seus celulares.

Segundo a empresa, o POCO M3 Pro 5G é um resultado do feedback colhido após o lançamento do POCO X3 Pro e do POCO F3.

Ela aproveitou para compartilhar alguns dados com quem assistia o evento. Informou que cerca de 2 milhões de POCO F3 e POCO X3 Pro (juntos) foram distribuídos ao redor do mundo nos últimos 2 meses.

Também comentou que teve 17 milhões e 500 mil smartphones distribuídos ao redor do mundo desde 2018 somente para a marca POCO. Dado que reforça como a submarca esteve forte nestes últimos dois meses. Além disso, o lançamento do aplicativo POCO Community cresceu em 450% nos últimos meses.

Link de compra do POCO M3 Pro 5G

Continua após a publicidade

Dá pra perceber que a Xiaomi está criando uma comunidade ao redor da marca POCO de forma que pode ter muito mais pessoas interessadas na submarca, do que na marca principal em breve.


Sucesso do POCO M3

Não é à toa que estamos vendo o lançamento do POCO M3 Pro 5G, só o POCO M3 vendeu 3.2 milhões de unidades.

E foi tentando replicar esse sucesso que vemos este anúncio acontecer. Mas precisava de um atrativo, que neste caso é o 5G.

Enquanto esta foi uma forma de chamar atenção ao redor do mundo, no Brasil o 5G não é lá um grande destaque. Isso porque nós brasileiros ainda devemos esperar cerca de 2 a 4 anos para conseguirmos utilizar a nova tecnologia de rede nas principais cidades. Implementação que acontecerá bem aos poucos.

De qualquer forma, foi destacado no evento que o 5G consegue ser até 23 vezes mais rápido do que o 4G.

Com o 5G, a maioria dos celulares acaba tendo um acréscimo de custo pelo modem. Mas a Xiaomi diz que isso não aconteceu com ela na hora de precificar o novo smartphone.

Para exemplificar isso, foi utilizado como exemplo o lançamento de dois celulares da Samsung, o Galaxy A32 e o A32 na versão 5G. É destacado que a versão com 5G, no caso da Samsung, teve algumas especificações menos interessantes.

A fabricante sul-coreana faz esta mudança nas especificações e vende os celulares com uma diferença de 20 euros.

Continua após a publicidade

O que a Xiaomi disse que fez do POCO M3 para o M3 Pro 5G foi oferecer o 5G sem cortar nada que é essencial para seus clientes. Só que a fabricante chinesa não evidencia que o aumento no custo não foi de 20 euros, mas de 200 euros. Eu comento os preços até o fim desta postagem.


Especificações do POCO M3 Pro 5G

E então, depois de muito falar de suas escolhas e o sucesso da linha, a Xiaomi falou sobre a utilização de um processador MediaTek em seu novo baratinho.

Os processadores da MediaTek têm um histórico bastante criticado negativamente por questões de aquecimento e ficaram marcados pela presença em celulares baratos sem muito desempenho.

Neste caso, o Dimensity 700 chega como um processador interessante e que consegue entregar o 5G. O seu desempenho em jogos não é aquilo tudo, tendo em vista o que já sabemos de testes com o Redmi Note 10 5G. Mas, de qualquer forma, seguindo também as informações a seguir e sua faixa de preço, não deixa de ser uma boa opção para aparelhos de entrada.

O POCO M3 Pro 5G vem com a mesma GPU Mali-G57 e outras semelhanças com o celular da linha Redmi que comento até o fim deste post.

Também sobre o Dimensity 700, a Xiaomi comenta que ele oferece 20% mais performance em relação ao POCO M3. E também é 40% mais eficiente energeticamente.

Isso principalmente porque o POCO M3 traz o Snapdragon 662, feito em litografia de 11nm, enquanto o POCO M3 Pro 5G traz o Dimensity 700, feito em 7nm. Então, algumas destas melhorias já eram esperadas.

Na tela, também mostraram um benchmark indicando a superioridade do Dimensity 700 em relação ao Snapdragon 662 (do POCO M3) e até mesmo ao Snapdragon 720G.

Chip Gráfico: Jogos

Em jogos, a Xiaomi também promete até 30% mais desempenho em relação ao POCO M3. O novo celular traz o chip gráfico Mali-G57.

Mas eu já quero ressaltar aqui que esse continua não sendo o forte do aparelho, você até vai conseguir jogar alguns jogos em uma boa qualidade, mas esqueça Genshin Impact e Asphalt 9 no MÁXIMO.

Tecnologia de armazenamento

Eu venho falando aqui no Mundo Conectado sobre a importância da tecnologia de escrita nos celulares.

Nos computadores a gente vê o impacto que isso tem em jogos e em aplicativos em geral quando trocamos o HDD por um SSD. E no celular, muitas vezes, não pensamos no impacto que isso tem.

Velocidade de escrita e leitura de arquivos nos smartphones é tão importante quanto.

Sobre isso, a Xiami anunciou que o POCO M3 Pro 5G utiliza UFS 2.2, que é cerca de 139% mais rápido que o UFS 2.1.

Agora, isso ela está sendo comentado por ela neste evento. É interessante notar que o POCO M3 na versão padrão tem um diferença na tecnologia de UFS oferecida. O POCO M3 de 64GB oferece UFS 2.1, já o POCO M3 de 128GB oferece UFS 2.2.

Para isto, ainda não consegui achar uma justificativa, até porque o UFS 2.1 suporta 128GB de armazenamento. Enfim, a Xiaomi vende dois aparelhos com esta diferença. E é ainda mais curioso notar que destacam no vídeo o UFS 2.2 nas duas versões do POCO M3 Pro 5G, faz parecer até que este é um ponto positivo.

Ainda sobre o armazenamento, ele tem suporta a cartão MicroSD de até 1TB.

Tela

Sobre a tela, a Xiaomi manteve as 6.5 polegadas e fez uma mudança. Agora o POCO M3 Pro 5G tem tela com 91% de aproveitamento da parte frontal. Parte disso é por causa da mudança na parte de cima, foi adotado a câmera em buraco de tela. Isso também não é surpresa, note que o Redmi Note 10 5G também tem este detalhe. Coincidência? Acho que não.

E claro, a continua tela continua IPS LCD.

E a grande diferença são os 90Hz. Todo mundo aqui já sabe que a frequência de atualização é bacana para a navegação e também em jogos. No caso do M3 Pro 5G não são todos os jogos que você consegue rodar em uma taxa de quadros mais alta - então essa taxa vai acabar sendo mais percebida na navegação mesmo.

E eles comentaram que, para salvar bateria de forma inteligente, o celular identifica o que você está fazendo e altera a taxa de quadros

Alteração na taxa de quadros de acordo com a atividade:

Vídeo Streaming (Netflix): 60Hz.
Jogos: 90Hz
Imagens estáticas: 50Hz
Vídeo normal: 30hz

A tela tem ainda Gorilla Glass na parte da frente, mas a empresa não especifica o modelo.

Bateria

A Xiaomi diz que o POCO M3 Pro não só tem mais bateria, como ele consegue ser mais eficiente que o modelo anterior.

Grande parte disso, segundo a empresa, se deve ao fato de o Dimensity 700 ser feito em litografia em 7nm.

A Xiaomi Promete 2 dias de bateria, o que é a média dos celular com 5000mAh. No entanto, a gente vai ter que testar o aparelho para garantir, em muitos casos esse número aperta bastante quando o usuário joga um pouco mais ou consome mais Netflix ou outro serviço de streaming.

Design

O POCO M3 chega com um design mais atraente, traseira espelhada em vez de fosca como a anterior e a câmera em buraco em tela também caiu bem.

Ele também está disponível em três cores.
Power Black - Preto
Cool Blue - Azul e um pouquinho de verde
Poco Yellow - Amarelo

Recursos e outros detalhes do design

A boa e velha entrada de fone de ouvido marca presença na versão aprimorada do POCO M3. Também o recuso de infravermelho, NFC e Rádio FM.

O conjunto de câmeras do POCO M3 Pro 5G: 

  • 48MP principal
  • 2MP macro
  • 2MP de profundidade.

Mesmo conjunto do celular anterior, o que não é exatamente um ponto negativo. Se você conferir nossa galeria de imagens vai ver que o modelo padrão já faz excelentes fotos para um dispositivo de menos de R$1000.

Preço de lançamento

 

Sobre o preço, para quem pode estar em dúvida se compra um POCO M3 ou a nova versão 5G, é interessante comparar o valor de diferença. Este valor pode variar de R$100 a R$300. 

EUR159 - R$1030 - 4GB + 64GB
EUR179 - R$1160 - 6GB +128GB

Link de compra do POCO M3 Pro 5G

O que o comprador precisa levar em consideração é se vale a pena pagar essa diferença para ter um celular:

  • 20% mais rápido.
  • 40% mais eficiente energeticamente
  • 30% mais desempenho em jogos
  • Com 5G

A tabela abaixo leva em consideração os preços com conversões aproximadas.

  4GB/64GB 4GB/128GB 6GB/128GB
POCO M3 R$790 R$940 Não tem versão
POCO M3 Pro 5G R$1030 Não tem versão R$1159
Redmi Note 10 5G R$1050 Não tem versão R$1210

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

User img

Neri Neto

O universo geek faz parte do dia a dia, da vida, deste jornalista. Formado pela Universidade Federal de Santa Catarina, Neri Neto é responsável por conteúdos diversos no Mundo Conectado. Ele adora tecnologia, cinema, games e descobriu ainda na infância que a linguagem dos vídeos seria perfeita para falar de tudo que ama.

Vem aí as Smart TVs 4K baratinhas da Amazon! O que esperar? Fire TV OS + Prime Video + Alexa

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.