Resolvendo o notebook lento da estagiária! Chega de esperar ele ligar

Seu PC (e o da Ana) pode estar a um upgrade de ficar bom, sabia?

Todo micreiro sabe pra onde vai a conversar que começa com HELP no WhatsApp. Ana Luiza Pedroso (@nalupedroso) fez esse chamado de ajuda para dar um jeito no seu notebook, que estava insuportavelmente lento e que precisava de múltiplos minutos para enfim ficar "usável" depois de ligar.

Diego Kerber (@kerberdiego) vem ao resgate, instalando um SSD para agilizar o carregamento do sistema operacional e dos principais aplicativos usados.

Para quem tem um bom computador ou notebook, e acha que ele está meio lento, há boas chances que o problemas seja mesmo o armazenamento de seus dados, que provavelmente estão em um HD. Aqui vão algumas dicas para fazer esse upgrade:

- Veja se seu computador tem suporte a um SSD e qual formato ele comporta (SATA, M.2). Você pode descobrir isso no site oficial de sua placa-mãe ou de seu PC, caso tenha um desktop, ou no site oficial de seu notebook.

- Se for um notebook, fique de olho se é fácil abrí-lo para instalar um SSD. Fazer uma busca por "disassembly" + [modelo de seu notebook] pode levar a múltiplos vídeos mostrando o processo de abrir sua máquina. Assim você pode decidir se vai encarar a empreitada, e também pode servir para ver quantos slots estão disponíveis para SSDs de 2,5" ou M.2.

Continua após a publicidade

- Pegue ao menos 240GB. A diferença de preço comparado a um de 120GB é pequena, e com esse armazenamento já é possível colocar o sistema operacional e boa parte dos aplicativos que você mais usa.

- Tente manter o HD. Especialmente notebooks e placas-mãe modernas tem slots M.2, então você pode manter seu HD tradicional SATA para garantir grande quantidade de espaço e priorizar no SSD arquivos mais críticos, como o sistema operacional e os programas que você mais abre (ou que demoram muito para abrir)

User img

Diego Kerber

Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego colabora com a Adrenaline na produção de notícias e artigos na coluna "Vida Digital".

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.