Edge vs Chrome vs Safari vs Opera vs Firefox - qual é o mais rápido? Veja nossos testes!

Rodamos testes sintéticos nos navegadores mais usados do mundo e damos nossa opinião

O pessoal que acompanha o Mundo Conectado deve ter visto nosso vídeo fazendo um comparativo rápido entre o Chrome e o novo Edge baseado em Chromium, para mostrar algumas semelhanças e diferenças entre os navegadores mais usados no mundo do PC.

Naquele vídeo a gente focou em recursos e ferramentas, destacando que performance não tem diferenças gritantes entre os dois. Mas agora vamos fazer um vídeo comparando não somente a performance desses dois, mas também de outros navegadores. Um comparativo de performance dos 5 navegadores mais usados no mundo. Sendo eles:

11/04/2020 às 18:00
Vídeo

O EDGE baseado em CHROMIUM é melhor que o GOOGLE CHROME? Vamo...

A nova versão do navegador tem ganhado muita popularidade, mas será que vale a pena migrar?

- Safari
- Chrome
- Edge
- Firefox
- Opera

Continua após a publicidade

Para um teste de performance ser justo, os testes têm que ser feitos todos na mesma máquina, com as mesmas configurações. Por isso, nosso teste vai ter duas fases. Vamos rodar uma bateria de testes dos cinco navegadores num Mac, pra poder incluir o Safari e comparar os resultados ali, e depois rodar os mesmos testes num PC, só que sem o Safari. Os números obtidos em cada máquina serão comparados de maneira independente.

Os testes que faremos são os:

JetStream 2
MotionMark
Speedometer
Basemark
WebXPRT 3

Clicando nos links de cada teste você pode tentar fazer em casa também.

Continua após a publicidade

Importante:

Testes sintéticos de benchmark têm sua utilidade pra tentar comparar uma coisa meio difícil de avaliar só usando um navegador, que é a velocidade geral dele. Mas eles não deve ser levados como lei absoluta.

Um dos testes mais populares de navegadores há uns anos era o Octane, e o pessoal por trás dele parou de realizar atualizações, divulgando um texto bem interessante

Na declaração eles mencionam que testes de benchmark têm que trabalhar para se manter constantemente atualizados, já que a cada nova versão navegadores podem ser otimizados para rodar cada vez melhor nesse teste e entregar pontuações maiores, o que nem sempre se reflete na usabilidade do dia a dia.

Essa prática torna inútil um benchmark, porque a pontuação que ele entrega não significa nada se esse ranking não aparece quando você vai realmente usar o navegador.

User img

João Gabriel Nogueira

João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline e o Mundo Conectado, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.