Apple faz jogada bilionária e compra divisão de modems da Intel
Créditos: Intel/9to5Mac

Apple faz jogada bilionária e compra divisão de modems da Intel

Após rumores, a empresa confirmou a compra pelo valor de US$ 1 bilhão, com foco no desenvolvimento de chips 5G para seus aparelhos

Poucos dias após os rumores iniciais, a Apple anunciou oficialmente hoje (25/07) que estará realizando a compra da divisão de modems da Intel pelo valor de US$ 1 bilhão.

Em comunicado oficial feito em seu site, a empresa ainda espera a finalização do negócio, que deve acontecer até o quarto trimestre desse ano (entre outubro a dezembro) e a aprovações dos órgãos reguladores.

"As empresas assinaram um acordo para que a Apple adquira a maioria dos negócios de modem para smartphone da Intel. Aproximadamente 2.200 funcionários da Intel ingressarão na Apple, juntamente com sua propriedade intelectual, equipamentos e arrendamentos. A transação, avaliada em US$ 1 bilhão, deve ser concluída no quarto trimestre de 2019, sujeita a aprovações regulamentares e outras condições usuais."

Nota oficial da Apple sobre a compra da divisão de modems para smartphone da Intel


Créditos a imagem - Intel/MarketWatch

Com isso, a Apple agora passa a contar com mais 2,2 mil funcionários e 17 mil patentes da divisão de modems na área de smartphones, portanto, a Intel ainda poderá produzir tecnologias para modems nas áreas de computador, internet das coisas e veículos autônomos.

A Apple está entusiasmada por ter tantos engenheiros excelentes se juntando ao nosso crescente grupo de tecnologias para celulares, e sabe que eles vão prosperar no ambiente criativo e dinâmico da Apple. Eles, juntamente com a significativa aquisição das IPs inovadoras, ajudarão a acelerar nosso desenvolvimento em produtos futuros e permitirão que a Apple se diferencie ainda mais em seu avanço.

Johny Srouji, vice-presidente sênior da área de tecnologias de hardware da Apple

Essa compra é um claro recado a Qualcomm, da qual a Apple vem brigando judicialmente desde 2017 por conta de supostos preços abusivos que a fabricante de chips vinha cobrando da empresa.

27/03/2019 às 09:19
Notícia

Apple vs Qualcomm: juiz recomenda que parem a importação de i...

Os resultados das disputas continuam indicando a Qualcomm como favorável

Após essa denúncia, a Apple decidiu não pagar mais os devidos royaties para a Qualcomm, que culminou em diversos processos e multas vindo da fabricante.

Agora, a empresa da maçã tem uma base bastante sólida para suas pretensões na tecnologia 5G, passando a não ser mais "refém" de sua rival nesse quesito, podendo agora fabricar seus próprios modens para seus aparelhos, e até mesmo entrar nesse mercado.

Via: Canaltech Fonte: Apple
User img

Pedro Henrique

Exploit no iOS 13 permite ver os contatos do iPhone mesmo com o aparelho bloqueado

Exploit no iOS 13 permite ver os contatos do iPhone mesmo com o aparelho bloqueado

Nova versão do sistema só chega no dia 19 de setembro e já encontraram falhas


Qualcomm e Ericsson trabalham na comercialização 5G em modo autônomo

Qualcomm e Ericsson trabalham na comercialização 5G em modo autônomo

Empresas querem conduzir uma transição para o 5G autônomo a partir de 2020


Huawei está pensando em vender o acesso ao seu setor de negócios 5G

Huawei está pensando em vender o acesso ao seu setor de negócios 5G

O interesse maior seria vender os negócios para uma organização fora da Ásia


iPhone 11 Pro aparece no Geekbench com apenas 4GB de RAM

iPhone 11 Pro aparece no Geekbench com apenas 4GB de RAM

Especificação coloca novo modelo da Apple bem atrás dos novos modelos Android


Opinião: o iPhone 11 é o fim da Apple como inovadora nos smartphones

Opinião: o iPhone 11 é o fim da Apple como inovadora nos smartphones

Novidades já estavam presentes no Android, e empresa ficou devendo apresentar algo novo