Vice-presidente da Huawei afirma que HongMeng OS não foi criado para celulares
Créditos: Brussels Express

Vice-presidente da Huawei afirma que HongMeng OS não foi criado para celulares

Sistema foi originalmente pensado para uso empresarial e Internet das Coisas

Desde que o governo dos EUA começou a "azedar" as relações da Huawei com suas parceiras norte-americanas, o fluxo de especulações e rumores tem mencionado um sistema chamado HongMeng OS, que seria, supostamente, a solução da fabricante chinesa para não precisar do Android. Mas este pode não ser bem o caso, como revelado recentemente pela vice-presidente da empresa numa coletiva em Bruxelas, na Bélgica.

Catherine Chen informou que o HongMeng OS nunca foi imaginado para substituir o Android. Na verdade, o sistema foi criado para soluções de negócios e internet das coisas. Segundo a executiva, o sistema conta com muito menos linhas de código, na ordem das centenas de milhares, diferente das linhas de sistemas como o Android, que alcançam as dezenas de milhões. O sistema da Huawei também teria muito menos latência como vantagem para os usos que foi imaginado.

E não é só isso. Chen também mencionou que o HongMeng já estava em desenvolvimento há tempos, muito antes de começar a guerra comercial entre EUA e China que resultou na proibição de negociações da Huawei com a Google, por exemplo.

Isso não significa dizer, no entanto, que os inúmeros vazamentos que vimos a respeito do HongMeng OS estejam todos errados. Chen não entrou no assunto, mas é possível que a Huawei esteja adaptando seu sistema originalmente pensado para IoT para funcionar como um sistema operacional de smartphones também, o que explicaria os rumores.

15/07/2019 às 11:35
Notícia

Harmony OS aparece como mais um possível nome para o sistema ...

Empresa registrou o nome na Europa - sistema misterioso tem sido chamado de HongMeng OS

Algo que alimenta essa especulação é a possibilidade do sistema acabar sendo lançado com outro nome, como poderia indicar o registro do nome Harmony OS na Europa, que também reportamos recentemente. Claro que essas informações são meramente especulações e teremos que aguardar para ver o que a Huawei vai confirmar oficialmente antes de tirar qualquer conclusão a respeito do futuro do sistema operacional em seus smartphones.

Fonte: GSMArena
User img

João Gabriel Nogueira

GeForce Now, plataforma de streaming de games da Nvidia, vai chegar aos celulares Android

GeForce Now, plataforma de streaming de games da Nvidia, vai chegar aos celulares Android

A expansão vai acontecer até o final do ano e contará com aparelhos high-end da Samsung e LG


Golpe que clona contas de WhatsApp já atingiu cerca de 8,5 milhões de brasileiros

Golpe que clona contas de WhatsApp já atingiu cerca de 8,5 milhões de brasileiros

Os danos vão desde vazamento de conversas privadas até pedidos de depósitos bancários


Xiaomi Mi 9T Pro é lançado com Snapdragon 855 a partir de $399 euros

Xiaomi Mi 9T Pro é lançado com Snapdragon 855 a partir de $399 euros

O aparelho já pode ser encontrado na França, Alemanha, Espanha e Polônia


Oppo anuncia Realme 5 e 5 Pro com conjunto de quatro lentes traseiras e até 8GB de RAM

Oppo anuncia Realme 5 e 5 Pro com conjunto de quatro lentes traseiras e até 8GB de RAM

Smartphones vão estar disponíveis dia 27 de agosto e 4 de setembro por a partir de US$140


Xiaomi já está trabalhando na Mi Band 5, revela fabricante da smartband

Xiaomi já está trabalhando na Mi Band 5, revela fabricante da smartband

Huami, que cuida da produção da pulseira inteligente, confirmou a próxima geração do produto