Google revela informações do Stadia, incluindo suporte para smartphones e multiplayer local
Créditos: Android Central

Google revela informações do Stadia, incluindo suporte para smartphones e multiplayer local

Novidades foram apresentadas na página de perguntas frequentes do serviço de streaming de games

O serviço de transmissão de games Stadia deve chegar em breve em alguns mercados no exterior e a Google revelou algumas novidades sobre a iniciativa na página oficial de suporte da plataforma. Os detalhes incluem informações importantes para a experiência de uso, como quais smartphones serão compatíveis e como funcionará o multiplayer.

De acordo com o FAQ oficial do serviço, o Google Stadia funcionará em seu lançamento apenas com smartphones da linha Pixel 3 (3a, 3a XL, 3, 3 XL) e com alguns tablets rodando Chrome OS, além de computadores e notebooks. A empresa garante, porém, que mais dispositivos móveis serão adicionados na lista futuramente.


Imagem: Android Authority/Reprodução

Em relação ao multiplayer, a Google revelou que os usuários do serviço de streaming de games poderão conectar até quatro Stadia Controllers, que funcionam com conexão direta na nuvem. Segundo a empresa, os usuários também poderão conectar o joystick no smartphone, tablet ou computador por meio de uma porta USB Tipo-C.

Outra dúvida sanada com a atualização do FAQ do Stadia é o suporte para os games: se você comprar um jogo na plataforma e a desenvolvedora resolver interromper as vendas do produto, ainda será possível acessá-lo sem problemas, salvo exceções, segundo a firma.

A empresa também revelou que os compradores do pacote Founder's Edition poderão fazer o resgate da assinatura do Stadia em qualquer conta do Google. Segundo a companhia, os usuários que fizeram a pré-compra vão receber um código de ativação que poderá ser utilizado em qualquer Gmail, inclusive em uma conta pessoal.

Com lançamento previsto para novembro, o Stadia Pro promete trazer streaming de games adquiridos ou presentes em um catálogo com resolução em até 4K e 60 quadros por segundo, tudo por uma assinatura de US$ 9,99 mensais. No ano que vem, a plataforma receberá uma versão para transmissão de games gratuita, mas com algumas limitações técnicas. Uma data de chegada no Brasil ainda não foi revelada.

Continua após a publicidade
Via: 9toFiveGoogle Fonte: Google
User img

Mateus Mognon

Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.