Uber Eats vai testar drones entregadores em San Diego nos próximos meses
Créditos: Uber

Uber Eats vai testar drones entregadores em San Diego nos próximos meses

Companhia está criando um drone customizado especialmente para entregas de comida

A Uber continua expandindo os negócios de sua divisão de entrega de comida, a Uber Eats. E a próxima fronteira para o sistema de entregas é o espaço aéreo, com drones. Numa parceria com a Uber Elevate, a Uber Eats vai começar a testar seus drones customizados para fazer as entregas dos pedidos dos usuários de San Diego, nos EUA. Os testes estão previstos para o verão por lá, ou seja, entre este mês e os próximos.

Mas isso não significa que os clientes do Uber Eats vão receber os drones em suas casas. Para evitar problemas e maiores dificuldades com o sistema, ainda vai haver um motorista ou ciclista envolvido na entrega. O drone vai levar a comida do restaurante para o entregador e o entregador que vai levar a encomenda para o cliente. A ideia é que os drones deixem as entregas em pontos específicos, próximos às áreas dos pedidos ou, em outros casos, deixar a encomenda em cima do carro do entregador. Nesses casos o motorista poderá ter um QR code em seu carro, que será reconhecido pelo drone para a entrega.

Segundo representantes da Uber, a empresa está nos estágios finais de conseguir uma certificação para seus voos da FAA, a agência regulatória de aviação nos EUA.

A ideia por trás das entregas por drones não é facilitar ou agilizar o processo atual, mas é feita se planejando para o futuro. Há uma estimativa que 68% da população mundial vai habitar áreas urbanas até 2050 e esses ambientes, cada vez mais densos, ficarão também cada vez mais difíceis de transitar. As empresas que saírem na frente com sistemas de entregas por drones devem se firmar comercialmente num espaço que provavelmente será bem concorrido no futuro.

14/06/2019 às 09:33
Notícia

Helicópteros da Uber começam a operar nos EUA por valores a p...

A empresa está operando em um único trajeto de oito minutos de voo, em Nova York

A Uber Eats é o segmento da Uber que tem dado mais ceto atualmente. Seu modelo padrão de negócios, de motoristas, tem crescido cada vez mais devagar, inclusive operando com perdas. Já o de entregas de comida deve gerar até US$ 1 bilhão de renda até o fim deste ano, somando até US$ 10 bilhões em valor de comidas entregues ao redor do mundo no mesmo período.

Fonte: Dronethusiast
User img

João Gabriel Nogueira

João Gabriel Nogueira se formou em jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) em 2015 e curte games desde muito antes. Começou com o Master System e o gosto pelos jogos eletrônicos trouxe o gosto pela tecnologia. Escrever notícias e análises de jogos, hardware e dispositivos móveis para o Adrenaline e o Mundo Conectado, além de trabalho é uma alegria e um aprendizado.

O fim do CANAL do RATO BORRACHUDO e o Dilema das Redes Sociais

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.