Restrições norte-americanas podem fazer Huawei perder US$ 30 bilhões nos próximos dois anos
Créditos: Oilcitytoday/AliExpress

Restrições norte-americanas podem fazer Huawei perder US$ 30 bilhões nos próximos dois anos

O CEO da empresa confessou que não esperavam um "ataque tão implacável"

A Huawei está se preparando para as consequências do seu banimento do mercado norte-americano, mas parece que as perdas a curto prazo podem ser significativas. O fundador e CEO da empresa, Ren Zhengfei, falou pela primeira vez sobre o impacto financeiro que a Huawei pode sofrer com essa situação e mencionou uma perda de US$ 30 bilhões nos próximos dois anos.

12/06/2019 às 17:16
Notícia

Huawei vai precisar de mais tempo para ser a maior fabricante...

A empresa acredita que consegue ser a maior do mundo até janeiro mesmo sem o mercado americano

Durante um painel de discussão, o CEO confessou que não esperava ser atacado de forma tão implacável e que o dano fosse tão sério. Espera-se que as vendas da chinesa fiquem estagnadas até ano que vem, mas a Huawei quer evitar demissões e manter seu investimento em pesquisa e desenvolvimento. Além disso, a empresa não planeja vender ativos importantes.

Apesar dessa previsão de um futuro próximo pouco positivo, parece que a fabricante tem um plano de ação para contornar as restrições estadunidenses. Nas últimas semanas, ela vem preparando o lançamento do seu próprio sistema operacional - até então chamado de HongMeng - e supostamente já o teria registrado em nove países. 

Via: Neowin
Huawei e Oppo prometem trazer novidades para o futuro no mercado de smartwatchs

Huawei e Oppo prometem trazer novidades para o futuro no mercado de smartwatchs

Enquanto a Huawei planeja trazer o HarmonyOS para seus relógios inteligentes, a Oppo trabalha para entrar nesse mercado em 2020


Modem de internet 5G da Huawei é maior e menos eficiente que o da Qualcomm

Modem de internet 5G da Huawei é maior e menos eficiente que o da Qualcomm

Teardown promovido pela IHS Markit revela detalhes sobre o Balong 5000 da fabricante chinesa


Smartphone dobrável da Xiaomi deve vir com câmera tripla, revelam vazamentos

Smartphone dobrável da Xiaomi deve vir com câmera tripla, revelam vazamentos

Imagens também são mais uma confirmação de que o aparelho dobra nas laterais


Huawei estaria trabalhando em smartphone com leitor biométrico por baixo de um display LCD

Huawei estaria trabalhando em smartphone com leitor biométrico por baixo de um display LCD

Alguns vídeos de um protótipo da fabricante chinesa vem circulando na internet que demostraria essa nova tecnologia em ação


AMD tem aumento de 16% após anunciar Epyc Rome, CPU que estará em servidor da Google

AMD tem aumento de 16% após anunciar Epyc Rome, CPU que estará em servidor da Google

A empresa teve um aumento no valor de suas ações de mais de 80% desde o começo de 2019