Uber e Volvo apresentam protótipo totalmente autônomo do SUV XC90
Créditos: Volvo

Uber e Volvo apresentam protótipo totalmente autônomo do SUV XC90

Os outros modelos apresentados pelas empresas ainda eram dependentes de um motorista

A Volvo e a Uber já estão trabalhando em conjunto no desenvolvimento de um carro autônomo há dois anos. A variante do XC90 SUV foi anunciada recentemente pela Volvo, como o primeiro protótipo desenvolvido para ser totalmente autônomo, sem precisar de nenhum tipo de direção manual de uma pessoa.

12/06/2019 às 15:24
Notícia

EmbraerX revela seu modelo de aeronave para projeto de Uber v...

Segundo o CEO da divisão, as naves serão "algo para uso da massa"

Desde o começo da parceria em 2016 a Uber e a Volvo desenvolveram diversos modelos de carros autônomos, mas ainda nem um era totalmente independente. Essa é a primeira vez que as empresas apresentam um veículo totalmente autônomo, que dispensa a necessidade de um motorista. O design do carro não tem grandes modificações, ele é um SUV normal, com a perceptível adição de todo o sistema de sensores e câmeras no teto do veículo.

Os sensores no teto servem para ajudar o veículo a se locomover por conta própria, podendo avistar possíveis obstáculos a frente. A Volvo o equipou com diversos métodos de segurança que vão funcionar como um "sistema de backup". A ideia é que se um primeiro sistema de freio falhar, seja acionado um segundo método, e assim por diante, até que seja necessário que ele seja parado manualmente.

"Acreditamos que a tecnologia de acionamento autônomo nos permitirá melhorar ainda mais a segurança, a base de nossa empresa. Em meados da próxima década, esperamos que um terço de todos os carros que vendemos seja totalmente autônomo. Nosso acordo com a Uber enfatiza nossa ambição de ser o fornecedor preferido das principais empresas de montadoras de veículos do mundo.” - Håkan Samuelsson, presidente e diretor executivo da Volvo Cars

O modelo XC90 foi desenvolvido para ser usado pela Uber. Ou seja, o carro não será comercializado pela fabricante, mas vai poder ser usado apenas pelos usuários do aplicativo. Apesar disso, a Volvo já comunicou que tem interesse em desenvolver outros modelos autônomos para equipar a sua frota.

Por mais que o XC90 já tenha sido apresentado, ele ainda não está pronto para ser utilizado. Ele deve passar por muitos testes de segurança antes que ele possa circular pelos espaços urbanos. É esperado que ele consiga chegar às ruas das cidades em 2020.

24/05/2018 às 15:59
Notícia

Uber desiste de testes com carros autônomos no Arizona por ca...

Estado é um dos "preferidos" das empresas que desenvolvem carros autônomos

Em 2018 alguns dos testes da Uber com seu carro autônomo deixou uma vítima fatal. O carro não foi capaz de identificar um pedestre e seguiu normalmente, o que ocasionou no atropelamento e morte de uma mulher de 49 anos. Aparentemente, o acidente serviu para que as empresas tomassem mais cuidado com os sensores externos do carro e decidiram investir ainda mais na segurança.

Via: Engadget Fonte: Volvo Newsroom
User img

Ana Luiza Pedroso

Xiaomi lança impressora de bolso Youdao Memobird G4

Xiaomi lança impressora de bolso Youdao Memobird G4

Produto parte de CNY 299, equivalente a R$ 169, e é recomendado para imprimir recibos


Até câmeras DSLR são vulneráveis ao vírus ransonware

Até câmeras DSLR são vulneráveis ao vírus ransonware

Hackers podem ter acesso a fotos e vídeos utilizando o WiFi da câmera


Smart TVs da OnePlus podem ser oficialmente reveladas no final de setembro

Smart TVs da OnePlus podem ser oficialmente reveladas no final de setembro

Rumores apontam para lançamento entre os dias 25 e 30 do próximo mês


Honor Vision TV será primeiro produto com sistema HarmonyOS da Huawei

Honor Vision TV será primeiro produto com sistema HarmonyOS da Huawei

Novo sistema operacional é tentativa da Huawei de reduzir dependência da Google


Controlador Phison PS5018-E18 permitirá SSDs com velocidades recorde

Controlador Phison PS5018-E18 permitirá SSDs com velocidades recorde

Drives baseados na peça terão taxas de transferência de até 7GB/s