Xiaomi Mi Band 4 chega amanhã e deve trazer nova CPU com IA
Créditos: akket.com

Xiaomi Mi Band 4 chega amanhã e deve trazer nova CPU com IA

CEO da Huami, parceira da chinesa, deu indícios de qual será o processador da smartband

Um dos vestíveis mais aguardados do ano está prestes a chegar: a Xiaomi vai realizar um evento amanhã para lançar a Mi Band 4, nova geração de sua pulseira inteligente focada em custo-benefício. Antes da chegada oficial, porém, o pessoal do Gizmochina compartilhou uma novidade que deve ser confirmada amanhã: a fabricante deve utilizar um chip com IA e que não traz os populares núcleos ARM.

De acordo com o site, a Mi Band 4 deve chegar equipada com o processador Huangshang No.1, que traz inteligência artificial e utiliza a tecnologia de código aberto RISC-V, que é concorrente das populares soluções da empresa britânica ARM. O chip é o primeiro no mundo a vir equipado com uma rede neural para dispositivos vestíveis, trazendo núcleos focados no mapeamento de dados do corpo, como monitoramento cardíaco.  


Imagem: Gizmochina | Weibo 

O chip Huangshang No.1 é feito pela Huami, uma das principais parceiras da Xiaomi no setor de vestíveis e criadora dos relógios inteligentes Amazfit. O CEO da companhia, Wang Huang, compartilhou uma imagem do processador de sua firma na rede social Weibo recentemente. Em seguida, a página oficial da Mi Band compartilhou a publicação, dando forças aos indícios de que a CPU realmente deve aparecer no próximo vestível da linha.

A adoção do processador da Huami não apenas reforça a parceria entre a Xiaomi e a fabricante chinesa, mas também dá mais espaço para a tecnologia  RISC-V, que está ganhando os olhos de grandes nomes da indústria. 

De acordo co mo Gizmochina, a Qualcomm recentemente participou de uma rodada de investimentos que levantou US$ 65 milhões para a Sifive, principal empresa por trás do projeto open-source que funciona como uma alternativa contra as tecnologias da ARM. 

07/06/2019 às 15:11
Notícia

Xiaomi Mi Band 4 aparece no AliExpress por US$ 50 com tela co...

Vestível chega dia 11 de junho e pode trazer suporte para português já no lançamento!

Atualmente a ARM é uma das empresas que domina o setor de chipsets para mobile ao fornecer núcleos para empresas como a Qualcomm, Samsung e a Huawei, o que torna a indústria de smartphones bastante dependente da firma.

A chegada da Mi Band 4 está marcado para amanhã, 11 de junho, quando finalmente saberemos as especificações completas do acessório. Recentemente, o dispositivo vazou no AliExpress antes da hora e já deu uma ideia de funcionalidades e preço que estarão disponíveis no lançamento.

Via: Gizmochina, Akket.com
Xiaomi lança aquecedor de xícaras que também é carregador wireless

Xiaomi lança aquecedor de xícaras que também é carregador wireless

Gadget consegue fornecer 10W de carga para aparelhos compatíveis


Huawei pode receber extensão para continuar trabalhando com empresas dos EUA

Huawei pode receber extensão para continuar trabalhando com empresas dos EUA

Prazo de 90 dias renovado anteriormente termina nesta segunda-feira


146 vulnerabilidades são encontradas em apps pré-instalados no Android

146 vulnerabilidades são encontradas em apps pré-instalados no Android

Estudo mostra que aparelhos de 29 marcas já chegam com falhas de segurança no momento que são ligados


Uber sobrevive mesmo com prejuízo de U$1,2 bilhão, mas como?

Uber sobrevive mesmo com prejuízo de U$1,2 bilhão, mas como?

Para especialistas, os problemas só devem aumentar e a solução não parece simples


Xiaomi anuncia 1ª atualização OTA para o Mi Watch

Xiaomi anuncia 1ª atualização OTA para o Mi Watch

Update chega no dia 3 de dezembro junto de aplicativo para iOS