Google funciona com energia 100% renovável pelo segundo ano consecutivo
Créditos: Google

Google funciona com energia 100% renovável pelo segundo ano consecutivo

Empresa é uma das líderes no movimento de transição para energia limpa na indústria

Uma empresa do tamanho da Google consome bastante energia, mas a companhia está trabalhando cada vez mais para tornar esse processo menos danoso para o meio ambiente. Em seu blog, a firma anunciou que está atuando 100% com energia limpa pelo segundo ano consecutivo.

Segundo o comunicado, a gigante da tecnologia é a primeira grande empesa no mundo a conseguir o feito, algo que não é tão simples de ser alcançado. Em um gráfico divulgado hoje, a empresa mostra que no ano de 2016, cerca de 61% de suas instalações operavam com energia limpa.


Imagem: Google

Graças aos avanços de hardware alcançados pela empresa, os data centers se tornaram mais eficientes e agora consomem menos energia, o que ajudou na transição total para energia limpa, mesmo com o aumento de consumo total.

"Nosso último Relatório Ambiental mostra que a computação usando serviços de nuvem centralizados é até 85% mais eficiente do que o uso de servidores locais, o que é uma boa notícia para nossos usuários e para o planeta"
- Google

A Google também explica que faz Acordos de Compra de Energia (PPAs) de longo prazo com usinas eólicas e solares próximas de suas instituições para conseguir alcançar suas metas de consumo de energia limpa. A companhia ressalta que esse tipo de parceria tem bastante impacto e um de seus objetivos e ajudar a tornar a adoção de energias renováveis por mais negócios ao redor do mundo. 

06/06/2019 às 16:20
Notícia

Google Stadia ganha preço, data de lançamento e games que est...

Com plano custando US$ 9,99, plataforma de streaming estará disponível em novembro em 14 países

Em seu blog, a companhia diz que já possui mais de 30 projetos envolvendo energia limpa que estão em andamento no mundo. No fim do mês passado, a Google também fez uma parceria com gigantes como Disney, Walmart e outros nomes da indústria para fundar a Renewable Energy Buyer’s Alliance, que pretende incentivar fontes de energia limpa para para baratear a compra de recursos que não agridem a natureza.

O objetivo do grupo é catalisar 60 gigawatts de novas compras renováveis ??até 2025. De acordo com a aliança empresarial, cerca de 60% do consumo de energia elétrica vem do setor privado, e incentivar que mais companhias migrem para fontes limpas pode ser um bom jeito de ajudar o meio ambiente.

Fonte: Google
Mancha vermelha de Júpiter é um furacão de centenas de anos, que está encolhendo

Mancha vermelha de Júpiter é um furacão de centenas de anos, que está encolhendo

Imensa mancha do tamanho da Terra apareceu com grande destaque em foto recente


Chrome OS 76 chega com novos controles de mídia estilo Android e desktops virtuais

Chrome OS 76 chega com novos controles de mídia estilo Android e desktops virtuais

Nova versão do sistema operacional da Google foi lançada para seus Chromebooks


Reconhecimento facial da Amazon consegue detectar medo no rosto de pessoas

Reconhecimento facial da Amazon consegue detectar medo no rosto de pessoas

Além disso, o sistema da empresa também é capaz de calcular a idade aproximada de alguém


Receita Federal promove leilão com MacBook Pro por R$ 2 mil e PS4 por R$ 700

Receita Federal promove leilão com MacBook Pro por R$ 2 mil e PS4 por R$ 700

Console da Sony ainda vem em edição especial Glacier White de Destiny 2


Google Maps recebe integração com o Lime, serviço de compartilhamento de patinetes elétricos

Google Maps recebe integração com o Lime, serviço de compartilhamento de patinetes elétricos

Novidade já está disponível para mais de 100 cidades, que incluem São Paulo e Rio de Janeiro