A Asus está proibida de usar a marca Zenfone na Índia
Créditos: Freepik/Medium

A Asus está proibida de usar a marca Zenfone na Índia

Se a empresa não conseguir anular a decisão, terá que criar uma nova marca

Uma decisão do Supremo Tribunal de Deli, na Índia, proibiu a Asus de anunciar ou usar a marca Zenfone para seus produtos no país. De acordo com as autoridades, a empresa teria infringido uma marca registrada* já existente para a palavra Zen, o que obrigaria a Asus a renomear seus smartphones na Índia.

*Marca registrada ou trademark quer dizer que a empresa não está apenas oferecendo o produto, mas todo o serviço oferecido aos consumidores.

28/05/2019 às 16:59
Vídeo

A câmera giratória do Zenfone 6 não vai estragar? E a qualida...

Falamos um pouco de nossa experiência com o aparelho e de como opera a câmera Flip

A queixa foi registrada pela indiana Telecare Network. Os documentos revelam que a empresa buscou as marcas registradas 'Zen' e 'ZenMobile' - nome do aparelho que vendia - em 2008. Segundo ela, a Asus, que começou a vender o Zenfone em 2014, estaria causando "confusão na mente do público" ao utilizar um nome semelhante no mesmo território.

A gigante taiwanesa argumentou que a palavra Zen é comum e apontou outras marcas que a utilizam, mas não teve sucesso. O Tribunal também declarou que a Asus estaria agindo de má fé ao usar a marca ZenFone.

"Embora o ZEN seja uma palavra genérica como uma escola de budismo, ainda assim não é uma marca genérica no que diz respeito a telefones celulares e tablets, já que a palavra não tem conexão ou correlação com telefones celulares ou tablets."

O próximo lançamento que estava marcado para acontecer na Índia era o do ZenFone 6. A ASUS tentará anular a decisão em uma próxima audiência, que está marcada para 10 de julho. Se não conseguir, terá que criar uma nova marca para o mercado indiano.

Via: Androidcentral
User img

Saori Almeida

Saori Almeida é natural do Rio Grande do Sul, técnica em administração formada pelo Centro Tecnológico de Caxias do Sul (CETEC) e estudante de Jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Gosta da cultura asiática e nerd no geral e tem interesse crescente por tecnologia e games desde pequena - gosto que se intensifica diariamente na redação.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.