ARM anuncia CPU aperfeiçoado Cortex-A77 e novo GPU Mali-G77
Créditos: GSM Arena

ARM anuncia CPU aperfeiçoado Cortex-A77 e novo GPU Mali-G77

Parece que chipset como o Exynos, Kirin e Helio terão bons ganhos em um futuro próximo

A Arm anunciou hoje a nova CPU Cortex-A77 - atualização projetada para processos maduros de 7nm - e o novo GPU Mali-G77, que trocou a arquitetura Bifrost pela Valhall. A nova arquitetura e o Mali-G77, que parece ser a maior novidade, acompanham as três últimas gerações de GPUs Mali com algumas melhorias significativas no desempenho, densidade e eficiência. 

 

ARM também deve suspender negócios com a Huawei, afetando os chips Kirin

 

GPU Mali-G77

A última iteração da arquitetura Bifrost - o Mali-G76 - foi um salto significativo para a Arm. O IP foi amplamente capaz de resolver alguns dos problemas críticos de seus antecessores, com resultados relativamente bons para os chipsets Exynos 9820 e Kirin 980. Porém, enquanto a Arm estava recuperando e corrigindo os problemas de Bifrost, a competição não parou.

A nova arquitetura Valhall do Mali-G77 traz um projeto de núcleo que tenta resolver as principais deficiências da arquitetura Bifrost, e parece ser muito mais semelhante às abordagens de design adotadas por outros fornecedores de GPU.

A Valhall promete promete uma melhoria de 30% na eficiência energética e densidade de desempenho e de 60% nas tarefas de aprendizado de máquina. Além disso, os SoCs do fim de 2019 e início de 2020 que a utilizarem podem esperar um aumento de 40% de desempenho.  

O novo GPU não recebe muitas melhorias no processo de fabricação, mas compensa nos ganhos vindos dos saltos arquitetônicos e microarquitetônicos.   Se as promessas forem postas em prática, o Mali-G77 deve ser capaz de fazer até o dobro de trabalho que um núcleo do modelo anterior faria. 

 

CPU Cortex-A77

O novo Cortex-A77 é uma evolução direta do seu antecessor e representa a segunda instância da família de núcleos Austin da Arm. Ele é baseado no design do Cortex-A76 e promete uma melhoria de desempenho de 20% na mesma velocidade de clock. Além disso, ele  adiciona uma quarta ALU, que aumenta a velocidade de execução inteira em até 50%

O novo núcleo  pode fazer operações simples (adicionar e subtrair) em um único ciclo e foi melhorado para realizar operações complexas (multiplicar) em 2-3 ciclos - o modelo antigo precisava de 4.

A Arm melhorou a precisão do preditor de ramificação (branch predictor) e adicionou uma segunda porta de previsão que ajudará a fornecer dados para a nova ALU mais rápido. Um segundo pipeline do AES (Advanced Encryption Standard) também foi acrescentado para acelerar a criptografia e a descriptografia.

A empresa afirma que o núcleo foi desenvolvido para que os fornecedores possam simplesmente atualizar o SoC IP sem muito esforço.

No geral, parece que os chipset que dependem da ARM gráficos - como o Exynos, Kirin e Helio - terão bons ganhos em um futuro próximo.

Via: Anandtech (1), Anandtech (2), GSM Arena
Redmi Note 8 Pro terá resfriamento líquido e câmera de 64MP

Redmi Note 8 Pro terá resfriamento líquido e câmera de 64MP

Aparelho também será o primeiro a trazer o sensor ISOCELL Bright GW1 da Samsung


Smartphones da série Xiaomi Redmi Note 8 vão trazer chipset Helio G90T

Smartphones da série Xiaomi Redmi Note 8 vão trazer chipset Helio G90T

Com CPU e GPU poderosas para games, chipset da MediaTek é mais barato que concorrentes


Intel lança seu primeiro processador com Inteligência Artificial, o Nervana NPP-I

Intel lança seu primeiro processador com Inteligência Artificial, o Nervana NPP-I

Componente, também conhecido como Springhill, vai ser usado em computação profissional


Adobe Lightroom Classic e Camera Raw agora suportam aceleração por GPU

Adobe Lightroom Classic e Camera Raw agora suportam aceleração por GPU

Funcionalidade é uma das melhorias presentes na atualização de agosto


Intel anuncia novos processadores Xeon

Intel anuncia novos processadores Xeon "Cooper Lake" com até 56 núcleos e 112 threads

Os dois modelos confirmados até agora alcançam clock turbo de até 3.8GHz