Huawei está trabalhando para substituir Windows e Android por um software próprio
Créditos: trainerstech

Huawei está trabalhando para substituir Windows e Android por um software próprio

Hongmeng OS deve ser utilizado caso os problemas com a Google e Microsoft não se resolvam

A Huawei informou que está trabalhando em um novo sistema operacional para seus dispositivos, caso os problemas com a Google e a Microsoft não se resolvam. O novo sistema deve se chamar Hongmeng OS e pode ser usado para os próximos aparelhos da empresa. A chinesa informou que o sistema já estava sendo desenvolvido como um segundo plano, mas só vai utilizar se for realmente necessário, isso porque eles gostam dos sistemas operacionais dos parceiros.

“Não queremos fazer isso, mas estamos sendo forçados a fazer por causa dos governo dos EUA. Eu acho que esse tipo de coisa não vai ser más notícias apenas para nós, mas também para as empresas americanas, porque apoiamos os negócios dos EUA, então seremos forçados a fazer isso sozinhos” - Richard Yu,  CEO da Huawei Consumer 

20/05/2019 às 10:23
Notícia

O que acontece agora com os celulares da Huawei? E como fica ...

Explicamos como a ordem executiva pode afetar os aparelhos

A recente ordem executiva americana, que baniu a Huawei de fazer negócios com as empresas dos EUA, influenciou nos Hardwares e também nos softwares utilizados pela Chinesa. A Google resolveu obedecer a ordem e fez uma publicação informando que não irá mais fornecer atualizações para os dispositivos Android da Huawei e, que não irá disponibilizar licença para os próximos aparelhos lançados. Para você entender melhor o que foi essa ordem, veja o vídeo abaixo:

Continua depois da publicidade

Hongmeng OS vai ser o primeiro sistema operacional lançado pela Huawei e, a empresa está planejando em lançar uma arquitetura diferente do que vemos hoje no Android. Uma fonte interna informou para o Huawei Central que o sistema está passando por problemas no seu ecossistema principal, o que é algo previsto, já que essa é uma das partes mais complexas do desenvolvimento de qualquer novo software. 

24/05/2019 às 13:30
Notícia

Huawei teria três meses de componentes estocados; empresa se ...

Empresa chinesa comenta o bloqueio do Android e mantém lançamento da linha Honor para amanhã

A escolha da empresa em desenvolver uma outra arquitetura, pode fazer com que o seu novo sistema não seja compatível com outros dispositivos Android. Pensando para os futuros aparelhos, isso não deve ter muitos problemas, mas para os já lançados, sim. Isso porque as atualizações vão parar de chegar, assim os aparelhos vão ter falta de suporte. Isso pode atrasar as vendas dos dispositivos lançados recentemente e fazer com que a empresa tenha perdas significativas de vendas e lucros. 

Continua depois da publicidade

O Windows utilizado nos computadores internos da empresa também deve ser substituído, se a situação não se normalizar. Ainda não há muitos detalhes, mas a Huawei tem a opção de utilizar softwares com código aberto para suprir as necessidades.

Via: Tom's Hardware, Huawei Central 1, Huawei Central 2
User img

Ana Luiza Pedroso

Mercado de smartphones premium cai 8% no primeiro trimestre do ano, mas 5G pode mudar isso

Mercado de smartphones premium cai 8% no primeiro trimestre do ano, mas 5G pode mudar isso

O segmento premium teve um declínio maior que o do mercado de smartphones global, que caiu 5%


Huawei lança os smartphones Nova 5, Nova 5 Pro e Nova 5i

Huawei lança os smartphones Nova 5, Nova 5 Pro e Nova 5i

Modelos contam com tecnologias como tela OLED e estreiam o chip Kirin 810


Dobrável Huawei Mate X será lançado até setembro e terá Android instalado

Dobrável Huawei Mate X será lançado até setembro e terá Android instalado

Engenheiros e designers da companhia trabalham duro para não repetir erros do Samsung Galaxy Fold


Huawei promete updates para o Android Q em suas duas gerações de celulares mais recentes

Huawei promete updates para o Android Q em suas duas gerações de celulares mais recentes

Empresa tenta tranquilizar seus usuários depois de situação problemática com os EUA


Huawei apresenta novo chipset HiSilicon Kirin 810, em 7 nanômetros

Huawei apresenta novo chipset HiSilicon Kirin 810, em 7 nanômetros

O SoC intermediário promete um desempenho 162% melhor que a geração anterior