Datafolha divulga primeira pesquisa que traça perfil e hábito dos gamers brasileiros
Créditos: Inverse

Datafolha divulga primeira pesquisa que traça perfil e hábito dos gamers brasileiros

Pesquisa mostra os hábitos de consumo, idade e classe social média, além de preferências dos jogadores

Uma pesquisa feita na 11ª BGS (Brasil Game Show) traçou o perfil e as preferências de gamers brasileiros, tanto para consumo, como para hábitos de jogo. O estudo foi feito pela Datafolha encomendado pela própria BGS, para entender o seu público. Entre os participantes da feira de games que aceitaram participar da pesquisa e responderam o questionário, 44% jogam todos os dias da semana e 93% consomem vídeos sobre games na internet mensalmente.

“Com 75 milhões de jogadores e um faturamento em torno de US$ 1,5 bilhão, os números da indústria de games no Brasil já impressionam, e sabemos que ainda há muito potencial para crescer. Por isso, uma pesquisa como essa, feita com quem gosta e consome jogos, é extremamente relevante, tanto para empresas do setor avaliarem suas estratégias e conduzirem seus negócios, como para outros segmentos da economia, que podem, a partir desses dados, dirigirem seus investimentos mais assertivamente” - Marcelo Tavares, criador e CEO da BGS

Entre as preferências de onde os jogadores mais consomem games, os consoles ocupam o primeiro lugar com 73%. Logo atrás está os PCs com 67% e 56% dos entrevistados dizem jogar também em mobile, que inclui smartphones e tablets. Outro dado que a pesquisa revelou é que 25% das pessoas disseram usar todas as plataformas para jogar. Essa pergunta era possível assinalar mais que uma resposta, por isso o resultado ultrapassa 100%.

“O mercado de games é extremamente promissor e nos últimos anos tem tido um rápido amadurecimento, motivado por consumidores que seguem jogando durante a vida adulta e pela constante inovação da indústria, que atrai cada vez mais investimentos, patrocínios e visibilidade” - Paulo Alves, gerente de pesquisa de mercado do Datafolha.

Entre a lista de itens mais consumidos, os jogos são os maiores objetos de consumo 35% dos entrevistados diz ser o que mais compra. As peças de vestuário representam 24%, os periféricos que incluem: mouses, teclados e headsets, aparecem em terceiro lugar com 19%. Além disso, nove em cada dez gamers ouvidos afirmaram que pretendem adquirir algum produto gamer até o fim do próximo ano.

Também foi questionado quais itens os jogadores gostariam de adquirir, o top 5 da lista de desejos foi:

Continua depois da publicidade

1- Consoles
2- Cadeiras gamers
3- Headsets
4- Teclados e mouses
5- Placas de vídeo

A pesquisa mostrou também que a maioria dos gamers são de classe média alta, com renda familiar média de R$7.313,60, o que corresponde a 7,7 salários mínimos. A média de idade apresentada foi de 21 anos55% possuem grau de escolaridade médio. A pesquisa foi realizada com 637 gamers da BGS que aconteceu entre os dias 11 e 14 de outubro de 2018.

Via: Adrenaline
User img

Ana Luiza Pedroso

Google e Apple promovem diversidade e inclusão com novos emoji em iOS 13 e Android Q

Google e Apple promovem diversidade e inclusão com novos emoji em iOS 13 e Android Q

Principais novidades incluem casais de diferentes gêneros e etnias, além de pessoas com deficiência


Google Pixel 3a recebe nota 100 no DxOMark e entra no top 20

Google Pixel 3a recebe nota 100 no DxOMark e entra no top 20

Câmeras do dispositivo intermediário estão no nível de aparelhos mais caros como Pixel 3 e iPhone XR


Receita Federal apreende R$ 150 mil em eletrônicos após ostentação em redes sociais

Receita Federal apreende R$ 150 mil em eletrônicos após ostentação em redes sociais

Suspeita surgiu quando perfil de loja publicou foto com diversos celulares


Vice-presidente da Huawei afirma que HongMeng OS não foi criado para celulares

Vice-presidente da Huawei afirma que HongMeng OS não foi criado para celulares

Sistema foi originalmente pensado para uso empresarial e Internet das Coisas


Black Shark 2 Pro chega no dia 30 de julho - provavelmente com Snapdragon 855+

Black Shark 2 Pro chega no dia 30 de julho - provavelmente com Snapdragon 855+

Xiaomi revelou a data de lançamento sem detalhes, mas vazamento veio em seguida