Governo zera tarifas de importação para máquinas e bens de informática
Créditos: Revista Pequenas Empresas Grandes Negócios

Governo zera tarifas de importação para máquinas e bens de informática

Medida terá vigência até 2020 e pode ajudar a facilitar ambiente de negócios, diz o governo

A Secretaria Especial de Comércio Exterior e Assuntos Internacionais do Ministério da Economia zerou as tarifas de importações para variados bens de capital, informática e telecomunicações. A decisão foi publicada no Diário Oficial da União (DOU) ontem, dia 9, e terá vigência até 31 de dezembro de 2020.

21/04/2019 às 15:33
Notícia

Governo disponibiliza calculadora online da Nova Previdência

Serviço calcula quanto passará a ser sua contribuição se plano for aprovado

Os itens beneficiados por essa isenção são máquinas e equipamentos da indústria que não possuem fabricação nacional, todos na condição de ex-tarifários*. Originalmente, esse conjunto de bens era tributado sob alíquotas** de 12%, 14%, 16% e 18%.

*O regime de Ex-Tarifário consiste na redução temporária da alíquota do imposto de importação de bens de capital, de informática e telecomunicações, assim grafados na Tarifa Externa Comum (TEC) do Mercosul, quando não houver a produção nacional equivalente. (fonte: CAMEX)

**Percentual com que um tributo incide sobre o valor de algo tributado.

Continua depois da publicidade

Segundo o governo, essa medida pode ajudar a aumentar a dinâmica da indústria nacional e facilitar o ambiente de negócios no país. No entanto, vale frisar que os produtos que foram isentados são direcionados apenas a alguns setores. Dispositivos como  smartphones, notebooks e drones continuarão seguindo o mesmo padrão de taxação alfandegária e se mantém sujeitos a fiscalização de órgãos como a Anatel.

Para ver a publicação na íntegra e conferir a lista completa de produtos isentos de impostos, basta acessar o Diário Oficial da União aqui.

Via: Tudo Celular, IstoE, Revista PEGN Fonte: Diário Oficial da União
Receita da Xiaomi cresce 27% no Q1 de 2019 - Confira o relatório de resultados

Receita da Xiaomi cresce 27% no Q1 de 2019 - Confira o relatório de resultados

A marca vendeu 27,9 milhões de smartphones mundialmente, assumindo o 4° lugar no ranking global


GoPro começa bem 2019 e projeta primeiro lucro anual desde 2015

GoPro começa bem 2019 e projeta primeiro lucro anual desde 2015

Empresa apresentou grandes perdas por causa do drone Karma, mas agora voltou a focar em câmeras de ação


HTC retira produtos de lojas virtuais e deve parar de vender para mercado asiático

HTC retira produtos de lojas virtuais e deve parar de vender para mercado asiático

Smartphones da companhia não deverão mais estar disponíveis na China em breve


Plano de arrecadação de fundos da Tesla ultrapassa meta de US$ 2 bilhões

Plano de arrecadação de fundos da Tesla ultrapassa meta de US$ 2 bilhões

A venda praticamente dobra a base de caixa da empresa, que tinha US$ 2,2 bilhões no final de março


EUA mais do que dobra imposto de importação sobre eletrônicos da China

EUA mais do que dobra imposto de importação sobre eletrônicos da China

Tarifas foram aumentadas em 2,5 vezes e afetam bolsas de todo o mundo