Huawei deve trazer 5G para os smartphones Mate 30 com o Kirin 985
Créditos: Tech Blimp

Huawei deve trazer 5G para os smartphones Mate 30 com o Kirin 985

O novo chip da empresa deve estrear na segunda metade do ano

Apesar de 2019 ser considerado por muitos o ano do 5G, nem todas as operadoras terão infraestrutura para dar um grande salto de transição para a tecnologia, mas possivelmente esse não será o caso da Huawei. Segundo informa o GSM Arena, a fabricante chinesa vai lançar no segundo semestre o processador Kirin 985, que deve trazer um modem 5G integrado e levar a conexão para todos os próximos topo de linha da companhia.

Atualmente, a empresa chinesa está utilizando o chip proprietário Kirin 980 em seus smartphones. Lançado no ano passado, o processador de 7 nanômetros bate de frente com as soluções mais potentes da Qualcomm no mercado e, apesar de não trazer soluções integradas, é compatível com 5G e pode utilizar a tecnologia. Ainda assim, a Huawei pretende dar um passo ainda maior para a inovação com seu próximo chip.


Imagem: GSM Arena

De acordo com as informações do DigiTimes, o processador Kirin 985 será feito pela HiSilicon, que fabrica os chips da Huawei, com o processo de 7 nm da TSMC. A principal diferença é que o chip deve ser o primeiro do mundo a utilizar a tecnologia de fabricação EUV (Extreme Ultraviolet Lithography). 

29/04/2019 às 20:15
Notícia

Huawei P30 Pro ganha update com modo de câmera dual-view

Funcionalidade permite gravar vídeos usando duas lentes diferentes ao mesmo tempo

O que a adoção de um novo processo de fabricação significa? Mais potência para o chip: aliado ao EUV, o Kirin 985 utilizará o método FC-PoP (FlipChip Package-on-Package), que juntos permitirão uma densidade de transistores 20% maior no processador, o que garante aprimoramentos na performance e consumo de energia mais baixo. 

Além de trazer novidades em seu processo de fabricação e tornar o 5G mais abrangente, o Kirin 985 também deve caprichar na potência. O chip deve chegar com performance mais alta que o Snapdragon 855, o atual topo de linha da Qualcomm, e melhorar ainda mais o pós-processamento das câmeras da Huawei, que se destacam pela qualidade e funcionalidades.

Segundo as informações, o processador começará a ser produzido em massa no terceiro trimestre, próximo do lançamento da linha de smartphones Mate 30, que, assim como nos anos anteriores, vai fazer a estreia dos novos Kirin topo de linha. Logo, possivelmente teremos novidades sobre o chip a partir de agosto.

Via: DigiTimes, GSM Arena
User img

Mateus Mognon

Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.