A LG vai suspender a produção de smartphones em sua fábrica na Coréia do Sul

A LG vai suspender a produção de smartphones em sua fábrica na Coréia do Sul

A fábrica era responsável pela produção de 10 a 20% dos aparelhos da empresa

A LG não está emplacando sucesso de vendas no mercado mobile há algum tempo, isso está fazendo com que os administradores da empresa tomem algumas atitudes para reduzir os custos de produção. A Reuters publicou que a última decisão da empresa foi suspender a fabricação dos smartphones no país de origem da fabricante, a Coréia do Sul, transferindo para uma fábrica já existente no Vietnã.

A fonte da informação é uma agência de notícias da Coréia do Sul, a Yonhap News Agency, que relatou a decisão da empresa em suspender a produção para corte de gastos, até o momento a LG não se pronunciou em suas redes sociais sobre a informação. A fábrica que vai encerrar as atividades mobile era voltada para a fabricação dos smartphones topo de linha, e era responsável por cerca de 10 a 20% dos aparelhos produzidos. 

A fábrica no Vietnã já existia e tinha o foco voltado para os aparelhos intermediários da empresa, apenas o fluxo de produção vai ser alterado e possivelmente novos funcionários vão ser contratados para se adequar ao aumento de fabricação dos produtos. O objetivo é diminuir o custo da produção dos aparelhos para que o ramo mobile volte a dar lucros, isso não quer dizer necessariamente que o custo final que irá chegar para o consumidor vai ser alterado.

Segundo o Yonhap News Agency, o setor mobile da empresa está registrando prejuízos desde o segundo trimestre de 2017. As vendas anuais alcançaram 1,7 trilhão de won ( moeda da Coréia do Sul, cerca de US$1,5 bilhão, na atual cotação) em 2018, mas tiveram um déficit operacional de 322,2 bilhões de won devido às fracas vendas de smartphones e ao aumento com os custos do investimento em marketing.

As linhas dos smartphones da LG atualmente são: G que são os topo de linha, Q considerados intermediários premium, K que são os intermediário e a linha V que são os aparelhos de entrada da empresa. O preço alto dos smartphones já era algo que estava sendo discutido desde 2017 no lançamento do G6, você pode conferir na análise abaixo:

Os baixos lucros que a LG está tendo com a venda de seus smartphones não é uma notícia nova, a empresa vem tentando se manter no mercado competindo com outras marcas grandes, como Samsung. Com o crescimento acelerado das fabricantes chinesas, que estão comercializando smartphones com foco no custo benefício, e as empresas maiores oferecendo grandes inovações, a LG acaba ficando no meio dos dois segmentos e não alcança grande destaque no mercado, mesmo sendo uma empresa respeitada.

Via: Reuters, GSM Arena, xda-developers Fonte: Yonhap News Agency
User img

Ana Luiza Pedroso

Ana Luíza é técnica em informática formada pelo Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) e graduanda de Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Compõe o quadro de estagiários do Adrenaline e Mundo Conectado desde 2018, publicando notícias. Aprende muito todos os dias sobre o universo de hardware, games e tecnologia.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.