Pocophone F1 da Xiaomi foi homologado pela Anatel e pode ser comercializado no Brasil

Pocophone F1 da Xiaomi foi homologado pela Anatel e pode ser comercializado no Brasil

A solicitação da certificação do smartphone foi feita por uma empresa brasileira

O Pocophone F1 da Xiaomi foi homologado pela Anatel no Brasil e agora pode ser vendido normalmente no país, mas isso não significa uma retomada da empresa em solo brasileiro. Quem solicitou a certificação do aparelho não foi a Xiaomi, mas sim uma empresa de Minas Gerais chamada DL Produtos Eletrônicos.

Na ficha de conformidade técnica é possível conferir os tipos de conexão compatíveis com as redes brasileiras, como a rede 3G por exemplo. Também consta o nome do modelo, que não sofreu nenhuma alteração.

A Xiaomi retirou os seus serviços do Brasil em 2016, nem um ano depois de começar a vender os seus produtos. Desde então, para adquirir os aparelhos da empresa, é necessário importar da China, e correr o risco de pagar uma taxa de homologação. Com o smartphone homologado, essa taxa não pode mais ser aplicada.

13/12/2018 às 13:28
Notícia

Entenda o que pode mudar com a nova regra da ANATEL para smar...

Se você está pensando em comprar um smartphone da China ou de outro país, essa não é uma boa hora

A DL Produtos Eletrônicos não se pronunciou sobre o motivo de solicitar e bancar o valor de homologação do smartphone. As possibilidades incluem o uso interno da loja, uma possível parceria com a Xiaomi para comercializar o aparelho no Brasil, ou uma vontade própria de revender os smartphones da marca, sem precisar pagar a taxa para cada aparelho.

A DL vende diversos produtos eletrônicos, entre eles: tablets, smartphones, sons automotivos, e os mais diversos equipamentos eletrônicos. Mesmo que o intuito da empresa em homologar o aparelho seja para benefício próprio, isso vai ajudar muitas outras pessoas a importarem o smartphone sem precisar pagar a taxa da Anatel. 

Via: OlharDigital, TudoCelular
User img

Ana Luiza Pedroso

Ana Luíza é técnica em informática formada pelo Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) e graduanda de Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Compõe o quadro de estagiários do Adrenaline e Mundo Conectado desde 2018, publicando notícias. Aprende muito todos os dias sobre o universo de hardware, games e tecnologia.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.