Apple pode lançar seu serviço de streaming de vídeos no primeiro semestre de 2019

Apple pode lançar seu serviço de streaming de vídeos no primeiro semestre de 2019

O serviço vai competir com a Netflix e Amazon Prime Video e pode trazer conteúdos inéditos

Segundo uma reportagem do site The Information a Apple está planejando lançar seu streaming de vídeo até abril de 2019. O serviço iria ser de baixo custo, competindo diretamente com a Netflix (que recebeu aumento de preço nos EUA recentemente) e Amazon Prime Video.

Os rumores sobre o serviço da Apple já circula a algum tempo, mas até agora parecia que nunca iria se concretizar. Durante a CES 2019 algumas Smart TVs anunciaram que teriam acesso ao Air Play e ao Home Kit, o que expande o acesso aos aplicativos da Apple em televisões. Faria sentido a empresa lançar o seu próprio serviço de streaming junto com as TVs.

O Apple TV poderia restringir os conteúdos audiovisuais disponíveis pela Apple, ou seja, só seria possível acessar os vídeos no próprio aparelho da empresa. Isso já acontece hoje, o Chromecast não tem acesso ao Amazon Prime Video, mas apenas o Fire Stick TV.

20/12/2018 às 16:57
Notícia

Número de brasileiros que usam TV para acessar a internet cre...

Enquanto assinaturas de streaming crescem, TV à cabo vai perdendo usuários, aponta IBGE

Continua depois da publicidade

A Apple tem assinado contratos com diversos criadores de conteúdo já reconhecidos no mercado de filmes e séries, para começar a produção de conteúdos audiovisuais exclusivos, além dos que já foram televisionados. Isso poderia indicar que os streamings podem estar sofrendo uma fragmentação, para ter acesso aos conteúdos originais é preciso assinar mais de um serviço.

Sobre os valores, nada ainda está confirmado, além de que em cada país o preço altera, levando em consideração os valores cobrados pelos concorrentes. Algo que é possível acontecer é o plano ser anunciado por um valor bem abaixo dos concorrentes, até porque o catálogo pode ter menos variedades, e o preço aumentar consideravelmente ao longo do tempo.

Para exemplificar, a Netflix custa nos EUA atualmente US$10,99 (em seu plano mais básico), em conversão direta para a atual cotação da moeda, ficaria cerca de R$40,51, apesar disso o mesmo plano no Brasil custa R$19,90. Isso também ocorre com os outros serviços que são ofertados pela Apple, o valor é definido levando em consideração a competição no mercado local e não a conversão direta.

Via: gizmodo Fonte: The Information
User img

Ana Luiza Pedroso

Ações da Qualcomm alcançam os maiores valores em 20 anos após acordo com a Apple

Ações da Qualcomm alcançam os maiores valores em 20 anos após acordo com a Apple

As ações aumentaram 23% na terça-feira e 17% quarta-feira alcançando US$30 bilhões


iPad poderá ser usado como segundo monitor do MacOS de qualquer Mac em breve [Rumor]

iPad poderá ser usado como segundo monitor do MacOS de qualquer Mac em breve [Rumor]

Outros monitores também serão suportados e vão surgir na nova opção do recurso


Intel decide sair do mercado de modems 5G para smartphones e vai focar em infraestrutura

Intel decide sair do mercado de modems 5G para smartphones e vai focar em infraestrutura

O anúncio foi feito logo após a Qualcomm e a Apple firmar acordo judicial


Apple e Qualcomm fecham acordo e colocam fim em guerra judicial

Apple e Qualcomm fecham acordo e colocam fim em guerra judicial

O embate de dois anos terminou, e possivelmente todo mundo vai sair ganhando


Novo controle Harmony Express da Logitech vem com assistente digital Alexa integrada

Novo controle Harmony Express da Logitech vem com assistente digital Alexa integrada

Controle universal tem diversas funções para dispositivos conectados e Internet das coisas