Google compra tecnologia misteriosa de smartwatches da Fossil por US$ 40 milhões
Créditos: Brandfield

Google compra tecnologia misteriosa de smartwatches da Fossil por US$ 40 milhões

Acordo também vai levar engenheiros da fabricante de vestíveis para trabalhar na Google

A Google investiu um total de US$ 40 milhões (R$ 150 milhões) na aquisição de uma tecnologia da fabricante de smartwatches Fossil, conforme está sendo divulgado pelas empresas nessa semana. O acordo também vai levar engenheiros da empresa menor para trabalhar na parte de pesquisa e desenvolvimento da gigante da tecnologia. Especula-se que eles vão trabalhar no desenvolvimento interno do Wear OS, o sistema operacional da Google para vestíveis, além de poderem trabalhar potencialmente num smartwatch de autoria da própria Google.

"Vestíveis, feitos para o bem-estar, simplicidade, personalização e utilidade, têm a oportunidade de melhorar vidas por trazerem aos usuários as informações e insights que eles precisam rapidamente, numa rápida olhada. A adição da tecnologia e do time da Fossil Group à Google demonstra nosso comprometimento com a indústria de vestíveis por permitir um portfólio variado de smartwatches e suportar as necessidades em constante evolução do consumidor ativo que busca vitalidade."
Stacey Burr, presidente de gerência de produtos na platafora Wear OS da Google.

01/09/2018 às 12:07
Notícia

Google desmente rumores de estar trabalhando em smartwatch pr...

Empresa diz que está focada em melhorar o sistema operacional Wear OS

A Fossil trabalha com smartwatches "híbridos", que são relógios mais acessíveis incorporando apenas algumas funções "smart" menores, como exibição de notificações e contagem de passos. Assim a empresa tem se destacado por oferecer gadgets que ainda são considerados bonitos como relógios tradicionais, mas com alguns recursos mais modernos, apesar de acabar abrindo mão de outras funções presentes em smartwatches propriamente ditos.

Não se sabe qual a tecnologia específica da Fossil interessou tanto a Google para ela fazer esse investimento que, apesar de não ser tão grande para uma empresa deste porte, ainda é considerável. A Fossil e a Google já tem trabalhado em conjunto há algum tempo e o acordo pode ser fruto desse trabalho. Com a Google investindo cada vez mais em dispositivos próprios, vai ser interessante acompanhar o futuro dessa aquisição de uma nova tecnologia.

Fonte: The Verge
User img

João Gabriel Nogueira

Pixel 3 estão desligando sozinhos sem motivo aparente como o Nexus 6P

Pixel 3 estão desligando sozinhos sem motivo aparente como o Nexus 6P

Até o momento, ninguém sabe a explicação para o acontecimento


Projeto Nightingale do Google coleta dados médicos de milhões de americanos

Projeto Nightingale do Google coleta dados médicos de milhões de americanos

Entre os dados coletados estão resultados de exame e registros hospitalares


Hisense apresenta KingKong 6, smartphone com bateria gigante de 10010mAh

Hisense apresenta KingKong 6, smartphone com bateria gigante de 10010mAh

Aparelho utiliza uma capinha para atingir a quantia, sozinho ele tem 5510mAh


Mercado de câmeras fotográficas sofre queda de vendas geral em Q2 2019/2020

Mercado de câmeras fotográficas sofre queda de vendas geral em Q2 2019/2020

Os esforços e dificuldades das empresas estão bastante direcionados para as máquinas mirrorless


Samsung Galaxy A51 ganha vídeo baseado em vazamentos trazendo 4 câmeras traseiras

Samsung Galaxy A51 ganha vídeo baseado em vazamentos trazendo 4 câmeras traseiras

Imagens demonstram câmeras em formato quadrangular