Samsung anuncia planos para produzir chips em 3nm até 2021
Créditos: Sam Mobile

Samsung anuncia planos para produzir chips em 3nm até 2021

Novo processo de produção deve permitir smartphones ainda mais poderosos e eficientes

A fabricante de hardware e smartphones Samsung anunciou seus planos para iniciar a produção em massa de processadores em litografia de 3nm até o ano de 2021. Isso marcaria um enorme avanço para a indústria de dispositivos móveis, que hoje utiliza processos de 7nm.

12/01/2019 às 14:28
Notícia

Veja o que esperar da linha Samsung Galaxy S10 depois de tant...

Informações mais consolidadas apontam para três aparelhos com design Infinity-O

A nova técnica de produção deverá resultar em smartphones mais poderosos e com maior eficiência energética – ou seja, capazes de executar mais ações com a mesma quantidade de energia (ou bateria).

A Samsung está nos estágios finais de desenvolvimento de uma tecnologia conhecida como Gate-All-Around field-effect transistors (Gaafet). A promessa é de que esse novo tipo de design vá conseguir superar os problemas da técnica atual, conhecida como FinFET

Ou seja, a Gaafet permitirá criar processadores que maior variedade de tamanhos físicos e com diferentes tensões de alimentação energética.

Além disso, a Samsung também confirmou que está muito próxima de começar a produzir um novo tipo de chips em 7nm, conhecidos como EUV (Extreme ultraviolet lithography).  Com ela, será possível fazer chips ainda mais densos, permitindo melhor aproveitamento do silício – uma tecnologia que já está muito próxima do seu limite de encolhimento.

Via: Toms Hardware
User img

Carlos Felipe

Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou parao PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.