Facebook começa a testar Modo Escuro em app do Messenger
Créditos: Jane Wong / Twittter

Facebook começa a testar Modo Escuro em app do Messenger

Aguardado recurso já está disponível em alguns países, ainda em fase de implementação e testes

O Facebook está experimentando um novo Modo Escuro para o aplicativo de chat Messenger, e já está implementando e testando o recurso em alguns países. Onde a opção está disponível, os usuários encontram uma mensagem dizendo que ela ainda está incompleta, e que não vai funcionar em todas as áreas do app.

08/11/2018 às 09:01
Notícia

Facebook confirma que recurso para apagar mensagens enviadas ...

Usuários terão 10 minutos para apagar uma mensagem que se arrependeram ou enviada por acidente

De acordo com o site Android Police, no momento ainda não foi compilada uma lista de países onde o Modo Escuro já é suportado. Até agora, nem o Brasil e nem os Estados Unidos parecem estar com o recurso disponível.

Para quem está numa localidade onde a ferramenta está online, basta ir até a seção "Eu" do aplicativo, que é acessada clicando na sua foto de perfil no canto superior esquerdo da interface.

A usuária do Twitter Jane Wong postou algumas capturas de tela do novo modo, que faz exatamente o esperado e parece funcionar especialmente bem em smartphones com telas OLED. Alguns elementos como a caixa de busca e a caixa de texto continuam cinza, e o texto se inverte de preto para branco, para ficar legível.

Como o Facebook não fez um anúncio oficial sobre o recurso, não há como saber quando ele estará disponível pra todos.

Continua após a publicidade
Via: Android Police
User img

Carlos Felipe

Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou parao PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.