Número de brasileiros que usam TV para acessar a internet cresce 57% em um ano
Créditos: Panasonic

Número de brasileiros que usam TV para acessar a internet cresce 57% em um ano

Enquanto assinaturas de streaming crescem, TV à cabo vai perdendo usuários, aponta IBGE

O IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) divulgou uma nova pesquisa onde aponta que o número de brasileiros que usa a televisão para acessar a internet cresceu 57,1% no período de 1 ano, entre 2016 e 2017. A expressão "acessar a internet" aqui tem um sentindo amplo, e inclui o uso para serviços de streaming como Netflix e Spotify.

18/12/2018 às 10:14
Notícia

TV da LG que pode ser enrolada chegará ao mercado em 2019 [Ru...

Painéis OLED podem se retrair em parte ou completamente apenas apertando um botão

Em 2016, 11,3% (13,1 milhões) dos brasileiros com acesso à internet usavam suas smarTVs para acessar a internet. Já em 2017, 16,3% (20,6 milhões) usaram uma TV inteligente para assistir algo via streaming ou navegar pela rede mundial de computadores. Desses, 146 mil dizem só se conectar à internet usando

Ainda de acordo com o IBGE, o total de habitantes do país com 10 ou mais anos de idade e conexão à internet atingiu 126,3 milhões de pessoas.

Neste período entre 2016 e 2017, a quantidade de pessoas que usam o celular para navegar na internet cresceu 11,6%. Já os usuários de tablets diminuíram 5,6% e as pessoal que utilizam PC (desktop ou notebook) diminuiu 3,4%.

Segundo a pesquisa, 33,7% dos domicílios que tinham televisão em 2016 possuíam TV à cabo. Já em 2017, 32,8% das casas com TV pagavam por uma assinatura do tipo.

Via: G1
User img

Carlos Felipe

Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation 1. Em 2005 migrou para o PC, e aí começou a se interessar por tecnologia. Formado jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

Samsung GALAXY S21, S21 PLUS e S21 ULTRA lançados: confira os PRINCIPAIS DESTAQUES

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.