Nova sonda espacial da China quer explorar os

Nova sonda espacial da China quer explorar os "segredos da Lua"

Lançamento aconteceu no dia 7. Confia o vídeo

O ano já está acabando, mas ainda existe tempo para acirrar a corrida espacial. A China realizou na sexta-feira, 7, o lançamento da sonda Chang'e-4, que tem como objetivo descobrir alguns "segredos" da Lua.

O lançamento da sonda espacial aconteceu com o foguete chinês Long March 3B e levou para a vizinha mais próxima da Terra uma estação de pouso e um rover, veículo para exploração do terreno lunar.

Segundo o governo chinês, o novo veículo é mais leve que os modelos antecessores enviados pelo país até a Lua. O objetivo é facilitar a exploração e pesquisa do "lado escuro" do satélite natural, a parte que não pode ser vista da Terra.

O ano de 2018 foi bastante movimentado para a exploração espacial. Recentemente, a Nasa pousou a sonda InSight em Marte e já divulgou imagens capturadas pelo módulo. A Rússia também anunciou planos de alcançar o planeta vermelho e a SpaceX, empresa de Elon Musk, revelou que levará um "turista' para a Lua em 2023.

Via: CGTN
Celulares ilegais no Norte, Nordeste e Sudeste, serão bloqueados no domingo (24)

Celulares ilegais no Norte, Nordeste e Sudeste, serão bloqueados no domingo (24)

Foco da Anatel são os smartphones piratas, com IMEI clonado ou em alguma outra situação irregular


Programa Espacial da China alcança marca de 300º foguete enviado ao espaço

Programa Espacial da China alcança marca de 300º foguete enviado ao espaço

Lançamento foi responsável por levar satélite chinês para a órbita terrestre


Supercomputador Aurora, da Intel, será o primeiro do mundo a fazer cálculos na exa-escala

Supercomputador Aurora, da Intel, será o primeiro do mundo a fazer cálculos na exa-escala

Computador será construído nos Estados Unidos para pesquisas científicas


Xiaomi lança Redmi 7, Redmi Note 7 Pro e Redmi AirDots na China

Xiaomi lança Redmi 7, Redmi Note 7 Pro e Redmi AirDots na China

Depois do lançamento dos Redmi Note 7 e Note 7 Pro na Índia, chegou a vez do mercado chinês


Xiaomi Pocophone F1 e Redmi Note 6 Pro podem chegar por R$3.099 e R$1.999

Xiaomi Pocophone F1 e Redmi Note 6 Pro podem chegar por R$3.099 e R$1.999

Quem fará o lançamento dos telefones no Brasil será a distribuidora DL