Administrador da NASA diz que EUA têm planos de manter uma presença fixa na Lua

Administrador da NASA diz que EUA têm planos de manter uma presença fixa na Lua

Lua será usada como laboratório de testes para a missão de Marte

Em entrevista para a Hill.TV, Jim Bridenstine, administrador da Nasa, diz que em até 10 anos os EUA têm planos de manter uma presença permanente na Lua. Isso iria estabelecer uma base para expandir a missão Mars 2020, que pretende explorar o território de Marte.

"No momento, estamos construindo uma estação espacial, chamamos de 'Gateway', que estará em órbita ao redor da lua - pense nela como um módulo de comando reutilizável onde podemos ter a presença humana em órbita ao redor da lua. De lá, queremos aterrissadores reutilizáveis ??que vão e voltam à superfície da lua ” - Bridenstine.

30/11/2018 às 09:42
Notícia

Conheça a superfície de Marte neste passeio em realidade virtual

As imagens em alta definição foram capturadas pela sonda Curiosity

Durante a entrevista Bridenstine deixou claro que as intenções da NASA nessa missão são provar a capacidade da tecnologia e da fisiologia humana, que a base espacial dispõe. O ponto final em que se pretende chegar é a exploração em Marte. Ao contrário da Lua, Marte está no mesmo lado da Terra apenas uma vez a cada 26 meses, portanto, os astronautas vão precisar passar dois anos no planeta vermelho durante a exploração, para conseguir retornar para a Terra. Quanto mais tempo os astronautas conseguirem se manter em condições não ideais aos humanos, mais bem sucedida será a missão.

O administrador da NASA ressaltou que pretende fazer com que a inovação científica tenha um avanço, para isso, está sendo criado um mercado comercial, que ele chama de Programa de Serviços de Carga Lunar Comercial (CLIPS). Esse projeto irá manter uma presença e interferência humana contínua na lua.

27/11/2018 às 16:39
Notícia

InSight pousa em Marte: Confira a primeira imagem capturada p...

A tecnologia será utilizada para explorar a parte interna do planeta vermelho

A Lua nesse caso vai ser tratada como um laboratório de testes. Recentemente a NASA conseguiu fazer o pouso de um InSight na superfície de Marte. Esse é o primeiro passo da missão que deve durar muitos anos. Bridenstine comentou sobre isso durante a entrevista falando: "Esta semana nós pousamos na superfície de Marte. É a oitava vez na história da humanidade que qualquer um pousou na superfície de Marte suavemente com uma missão capaz de avançar".

Os avanços da NASA devem aumentar depois da volta do InSight, que fez o pouso recente, para as análises nos laboratórios da Terra.

Fonte: TheHill
User img

Ana Luiza Pedroso

Conselho de Diretores da HP rejeita proposta de aquisição da Xerox

Conselho de Diretores da HP rejeita proposta de aquisição da Xerox

Executivos da HP reforçaram confiança na sua estratégia atual de negócios


Câmera 360º Ricoh Theta 4K é oficialmente anunciada

Câmera 360º Ricoh Theta 4K é oficialmente anunciada

Dispositivo permite capturas embaixo d'água e traz diversas funcionalidades interessantes


Astrônomos criam o primeiro mapa global de Titã, a maior lua de Saturno

Astrônomos criam o primeiro mapa global de Titã, a maior lua de Saturno

Mapa foi criado com a ajuda de dados enviados pela sonda Cassini, da NASA


Carros autônomos são 25% melhores na tomada de decisão do que motoristas egoístas

Carros autônomos são 25% melhores na tomada de decisão do que motoristas egoístas

Novos sistemas classificam motoristas como egoístas ou generosos


Manifestantes chilenos utilizam lasers para derrubar drones de vigilância

Manifestantes chilenos utilizam lasers para derrubar drones de vigilância

Prática está se tornando comum em protestos ao redor do mundo