MacBook Pro com chip gráfico AMD Vega Pro vai chegar ao mercado ainda esse mês
Créditos: Apple

MacBook Pro com chip gráfico AMD Vega Pro vai chegar ao mercado ainda esse mês

Apple afirma que o notebook terá aumento de desempenho gráfico de até 60%

Dentre os anúncios de aparelhos atualizados da Apple está o MacBook Pro. O grande destaque desse notebook é a capacidade de processamento gráfico, para aprimorar isso ainda mais, ele está equipado com o chip gráfico (GPU) AMD Vega Pro

A Apple promete em seu site que esse chip irá trazer melhorias no processamento dos gráficos, bem como 4GB de memória GDDR5, tornando o trabalho com imagens 3D, renderizações e vídeos extensos e pesados, mais rápido e eficiente, com ampla correção de erros. 

"Com a mesma arquitetura gráfica do iMac Pro, a GPU Radeon Pro Vega tem maior capacidade de processamento e usa a memória HBM2, de alta largura de banda. A HBM2 duplica a largura de banda da memória para a GPU com um consumo bem menor de processamento. Assim, mais potência pode ser usada pela própria GPU. Como resultado, o desempenho gráfico aumenta significativamente: até 60% mais rápido que a Radeon Pro 560X"

A promessa de desempenho gráfico se estende não somente para quem trabalha com produção de conteúdos, mas também para quem tem interesse em utilizar o Mac para jogos de alta performance. O problema é o aquecimento que o MacBook Pro anterior apresentou, ainda não tem como saber se irá ocorrer o mesmo com essa nova versão. 

A tela do dispositivo é iluminada por LED brilhante e contraste ampliado, o que gera uma melhor intensidade no preto e branco absoluto, mas também há destaque nas cores RGB (vermelho, verde e azul). A Apple promete que essa será a melhor tela de todos os Macs.

O notebook é equipado com SSD ultrarrápido com leitura sequencial de até 3,2 GB/s, isso promete processamento de dados de forma rápida, sem travar, o que optimiza muitos projetos, principalmente os que demandam muitos dados para ser feito. O chip Apple T2 Security criptografa os arquivos automaticamente, o que promete melhor segurança para seus projetos e dados pessoais.

O dispositivo também está equipado com um scanner de digitais para desbloquear o Mac, isso também ajuda na segurança dos dados que forem mantidos no notebook. Também é possível utilizar a Apple Pay para fazer compras em sites.

O teclado está equipado com um sistema "borboleta", que aumenta a estabilidade das teclas e deixa a digitação mais confortável e silenciosa. A bateria promete durar até 10 horas.

A Apple disponibiliza a Touch Bar, que optimiza várias funções usadas pelo usuário com mais frequência. Apps que não sejam próprios do Mac também podem ser utilizados com essa barra de ferramenta sensível ao toque.

O MacBook Pro estará disponível para compra no final de novembro, o valor ainda não foi divulgado. A versão anterior, de 512GB, custa R$24599. O valor deve ser superior a isso, já que o novo MacBook Pro está sendo equipado com duas versões: 13 polegadas com 2TB e 15 polegadas com 4TB.

 

Via: The Virge Fonte: Apple
User img

Ana Luiza Pedroso

Ana Luíza é técnica em informática formada pelo Instituto Federal de Santa Catarina (IFSC) e graduanda de Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Compõe o quadro de estagiários do Adrenaline e Mundo Conectado desde 2018, publicando notícias. Aprende muito todos os dias sobre o universo de hardware, games e tecnologia.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.

Apple pode adiar o lançamento do iPhone com 5G

Apple pode adiar o lançamento do iPhone com 5G

Motivo para o possível adiamento é o impacto do surto mundial de Coronavírus (COVID-19)


Nova ferramenta da Google vai otimizar em até 40% GPUs da Qualcomm

Nova ferramenta da Google vai otimizar em até 40% GPUs da Qualcomm

Dispositivos com Snapdragon terão taxas de quadros mais altas e otimização da bateria


Apple doa milhões de máscaras N95 para hospitais dos EUA e Europa

Apple doa milhões de máscaras N95 para hospitais dos EUA e Europa

Empresa está realizando ações para diminuir impacto do Covid-19


Depois de Netflix e YouTube, Apple e Amazon Prime reduzem qualidade de streaming na Europa

Depois de Netflix e YouTube, Apple e Amazon Prime reduzem qualidade de streaming na Europa

Redução deve ajudar a reduzir o risco de sobrecarga da rede


Apple implementa questionário sobre sintomas do Covid-19 na Siri

Apple implementa questionário sobre sintomas do Covid-19 na Siri

Usuários podem pedir ajuda da assistente virtual para saber se estão com o novo coronavírus