Estudantes estariam trabalhando ilegalmente na fabricação do Apple Watch na China
Créditos: Gear Patrol

Estudantes estariam trabalhando ilegalmente na fabricação do Apple Watch na China

Apple investiga acusações contra sua prestadora de serviços Quanta Computer

Uma prestadora de serviços da Apple na China está sendo acusada de empregar mão-de-obra ilegal de estudantes do ensino médio na fabricação do Apple Watch no país. Um grupo de direitos humanos de Hong-Kong, a Sacom, é responsável pela acusação, afirmando que falou com pelo menos 28 estudantes que confirmaram terem sido levados às fábricas como "estagiários".

02/03/2018 às 16:45
Notícia

Apple Watch vendeu mais unidades que todos os smartwatches co...

Apple continua crescendo nos vestíveis

A informação está sendo divulgada pelo Financial Times. Segundo o jornal, a Sacom apurou que os estudantes trabalham na linha de produção da Quanta Computer, uma prestadora de serviços para a Apple, como quaisquer outros funcionários, fazendo inclusive hora extra e pegando turnos noturnos, ambos proibidos pela lei chinesa do trabalho. Todos os 28 estudantes entrevistados relataram essas duas infrações, enquanto 11 deles disseram também que os professores disseram que eles não poderiam se formar sem o suposto "estágio".

As diretrizes de prestação de serviço da Apple exigem que as empresas que trabalham com ela hajam em conformidade com as leis de seus países. Aparentemente a dona do Apple Watch já está investigando se as informações apuradas pela Sacom são procedentes.

Fonte: 9to5Mac
User img

João Gabriel Nogueira

Samsung anuncia oficialmente o Galaxy A20, com tela de 6,4'' Super AMOLED Infinity-V

Samsung anuncia oficialmente o Galaxy A20, com tela de 6,4'' Super AMOLED Infinity-V

Smartphone intermediário chega primeiro na Rússia com Exynos 7884 e 4.000 mAh de bateria


Apple vai deixar você adicionar 256GB de RAM no iMac Pro por mais R$41600

Apple vai deixar você adicionar 256GB de RAM no iMac Pro por mais R$41600

Dá pra comprar um iMac novo com esse valor


Call of Duty Mobile é anunciado para Android e iOS em parceria com a Tencent

Call of Duty Mobile é anunciado para Android e iOS em parceria com a Tencent

Jogo só teve modo multiplayer confirmado até agora e será desenvolvido pela mesma equipe de PUBG Mobile


Programa Espacial da China alcança marca de 300º foguete enviado ao espaço

Programa Espacial da China alcança marca de 300º foguete enviado ao espaço

Lançamento foi responsável por levar satélite chinês para a órbita terrestre


Apple atualiza linhas iPad Air e iPad Mini com novo chip e suporte para Pencil

Apple atualiza linhas iPad Air e iPad Mini com novo chip e suporte para Pencil

Preços partem de R$ 3.499 e podem atingir R$ 6.799 com iPad Air de 256GB com 4G