Netflix considera baixar preço da mensalidade para conseguir mais assinantes

Netflix considera baixar preço da mensalidade para conseguir mais assinantes

Será que teremos um corte dos preços no Brasil futuramente?

A Netflix alcançou a invejável marca de 137 milhões de usuários mundialmente e está pensando em adotar uma tática muito interessante para os consumidores visando aumentar seus números. Segundo Gregory Peters, chefe de produto da Netflix, a empresa está considerando baixar o preço da mensalidade em alguns mercados para conquistar mais público. 

16/10/2018 às 18:16
Notícia

Netflix alcança a marca de 137 milhões de usuários mundialmente

Serviço de streaming ganhou quase 6 milhões de novos assinantes no último trimestre

 Falando com os investidores da empresa, o executivo disse que pretende aumentar o alcance da Netflix em mercados como a Índia apostando em conteúdos originais e preços acessíveis.

"Vamos experimentar outros modelos de preços, não apenas para a Índia, mas para todo o mundo", explica Peters. Segundo o executivo, os novos valores devem "ampliar o acesso fornecendo um nível de preços abaixo do nível mais baixo atual".

De acordo com Peters, o corte nos preços será uma experimentação para testar novas formas de crescimento da Netflix. A empresa não deu detalhes de quando deve começar a adotar a nova política e em quais países isso vai acontecer, mas como se trata de uma ação mundial, possivelmente isso afetará o mercado brasileiro.

Atualmente, o plano mais básico custa R$ 19,90 no Brasil.

Apesar da companhia não deixar claro, o crescimento de rivais pode ser um dos motivos para a empresa querer adotar preços mais competitivos. Enquanto o plano mais básico da Netflix custa R$ 19,90 mensais por aqui trazendo um mês gratuito, o Amazon Prime Video cobra R$ 7,90 durante os primeiros seis meses, subindo para R$ 14,90 mensais após o período promocional. Além disso, o serviço também conta com a assinatura do Twitch Prime.

Será que teremos um corte nos preços da Netflix brasileira futuramente?

Via: Neowin
1,1 bilhão de e-mails e senhas foram expostos em vazamento do arquivo Collection #1

1,1 bilhão de e-mails e senhas foram expostos em vazamento do arquivo Collection #1

As informações foram sendo liberadas desde 2008, os arquivos tinham 87GB de informações


Previsões mostram que preços dos SSDs podem reduzir pela metade em 2019

Previsões mostram que preços dos SSDs podem reduzir pela metade em 2019

fabricantes já estão reduzindo os seus investimentos no setor de semicondutores


Próximas gerações dos smartphones Xiaomi Mi podem ser vendidos por preços mais altos

Próximas gerações dos smartphones Xiaomi Mi podem ser vendidos por preços mais altos

Em uma publicação o diretor de produto disse que as promoções dos Mi podem acabar


Elon Musk revela versão final do foguete Starship da SpaceX

Elon Musk revela versão final do foguete Starship da SpaceX

Espaçonave é um protótipo que participará de voos teste para futura viagem à Marte


Agora você pode instalar plugin no Google Chrome que te sugere títulos na Netflix

Agora você pode instalar plugin no Google Chrome que te sugere títulos na Netflix

O plugin usa suas últimas visualizações para filtrar conteúdos que ficam ocultos as vezes