Watch Series 4 ganha tela maior, detecta quedas e faz eletrocardiogramas

Watch Series 4 ganha tela maior, detecta quedas e faz eletrocardiogramas

Vestível manteve mesmo tamanho graças a bordas mais estreitas em torno da tela

A Apple anunciou a nova geração de seu relógio inteligente o Watch Series 4. O vestível agora possui uma tela maior sem aumentar de tamanho graças a um design que aproveita melhor a área frontal e novas funcionalidades de monitoramento da rotina e da saúde do usuário.

Site oficial do produto.

A tela agora é 35% maior no modelo mais compacto e 32% maior no modelo de 44mm comparado às versões do Watch da geração anterior. Isso foi possível graças a bordas mais finas em torno da tela, enquanto a espessura foi levemente reduzida. O design das pulseiras foi mantido, então será possível usar as mesmas disponíveis para versões mais antigas do relógio da Apple.

Um dos principais focos do novo vestível foi o monitoramento do usuário. Além de manter funções como detectar automaticamente realização de exercícios físicos e momentos de atividade, agora o Watch detecta acidentes como quedas e pode de forma ágil fazer o envio de pedido de ajuda, caso o usuário esteja ferido, ou mesmo fazer de forma automatizada uma ligação para a emergência se perceber que a pessoa está imóvel por muito tempo.

A Apple aprofundou as capacidades de monitorara saúde do consumidor através do Watch

Monitoramento da saúde também foi um tópico importante, e agora além de verificar o ritmo e a regularidade dos batimentos cardíacos, o Watch Series 4 possui um eletrocardiograma embutido, exame relevante para verificar a saúde do coração. A Apple conseguiu a aprovação da FDA, agência federal do Departamento de Saúde e Serviços Humanos dos Estados Unidos, e vai disponibilizar o serviço aos consumidores ainda esse ano.

A performance foi incrementada com o novo chip S4 que promete duas vezes mais desempenho que o antecessor, e a conetividade foi melhorada com o uso da conexão Bluetooth 5.0. A autonomia é estimada em 18 horas, ou seja, é um dispositivo que precisa ser recarregado todo dia. Para atividades físicas que usem de forma constante o GPS, a bateria deve durar em torno de 6 horas.

O Watch estará disponível nas cores preta, prata e dourada, e a pré-compra já pode ser feita no exterior a partir do dia 14 de setembro. Seu preço sugerido é de US$ 399 na versão mais básica, que já inclui um GPS embarcado, enquanto a versão com conectividade LTE sai por US$ 499. O Brasil está de fora da lista dos países que estarão na primeira e também segunda leva a receber o produto. Mais informações estão disponíveis no site oficial do produto.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.

Nova versão de testes do navegador Safari não suporta o Adobe Flash Player

Nova versão de testes do navegador Safari não suporta o Adobe Flash Player

Plugin da Adobe será descontinuado no final de 2020


iPhone 11 atinge 109 pontos nos testes de câmera do DxOMark

iPhone 11 atinge 109 pontos nos testes de câmera do DxOMark

Celular da Apple conseguiu 112 pontos para foto e 101 para vídeo


Apple finalmente deve lançar o iPhone SE 2: veja data e preço

Apple finalmente deve lançar o iPhone SE 2: veja data e preço

Fontes relacionadas à indústria mobile confirmam a chegada do dispositivo


FBI precisou de quase dois meses para desbloquear um iPhone 11

FBI precisou de quase dois meses para desbloquear um iPhone 11

É o segundo aparelho desbloqueado legalmente, mas a Apple não está ajudando no processo


Mercado de computadores teve primeiro crescimento anual completo em 8 anos

Mercado de computadores teve primeiro crescimento anual completo em 8 anos

Lenovo, HP e Dell somaram dois terços dos 268,1 milhões de envios feitos em 2019