Imagem chamada

Qualcomm anuncia Snapdragon Wear 3100, chip feito para smartwatches

O novo chip foi feito para oferecer mais tempo de duração para a bateria dos relógios inteligentes

A Qualcomm é mundialmente conhecida por seus chips feitos para smartphones, mas desta vez a empresa anunciou um novo chip pensado para relógios inteligentes, o Wear 3100. 

Como a ideia é oferecer uma série de funcionalidades inteligentes no punho, tais como estatísticas fitness, música, calendário, assistente de voz, notificações e até pagamentos, é necessário um sistema operacional bastante funcional. No momento, a Qualcomm está trabalhando com a Google para otimizar seu chip para o sistema operacional Wear OS, desenvolvido pela gigante da tecnologia.

A empresa anunciou três modelos para atender diferentes públicos, como na imagem abaixo. 

No modelo dedicado para experiências esportivas o relógio vem com uma bateria de 450mAH que oferece uma duração de até 15 horas de bateria. Ele apresenta GPS, detector de batimentos cardíacos e é indicado para atividades como corrida, nado e ciclismo. 

12/07/2018 às 16:38
Notícia

Qualcomm demonstra comunicação entre carros conectados usando...

A tecnologia promete conectar veículos e o ambiente ao seu redor

Um ponto forte desta tecnologia está na duração da bateria, algo que os smartwatches deixam a desejar atualmente. Por isso, um dos modelos é mais básico, o Tradition Watch Mode. Segundo a empresa, ao desligar o sistema operacional, o relógio para as outras funcionalidades e fica com o básico, permitindo o funcionamento por até mais uma semana se ele entrar nesse modo perto dos 15% de bateria. Se entrar nesse modo com a bateria cheia, ele dura cerca de um mês. 

Outro modelo detalhado pela empresa é o Enhaced Ambient, feito para atender quem pensa mais no estilo. Esse modelo vem com 16 tipos de cores disponíveis para a tela e ainda traz algumas funcionalidade como contagem de passos. Segundo a Qualcomm, ele tem um brilho aprimorado utilizando um sensor de luz ambiente para escurecer ou aumentar o brilho da tela de acordo com a necessidade. 

Fonte: Qualcomm

Qualcomm compartilha plataforma DIRBS para identificação de dispositivos falsos e roubados

Fabricante de processadores quer ajudar a combater proliferação de smartphones ilegais


Qualcomm abre primeiro polo de estudo e desenvolvimento em Internet das Coisas no Brasil

O primeiro foco de estudos do centro será em segurança pública


Xiaomi anuncia Mi 8 Pro, versão mais encorpada do Mi 8 com leitor de impressão digital na tela

Confira o preço e as especificações de cada modelo do smartphone


Sistema de recarga sem fio fornece energia ao drone durante o voo

Demonstração exibe a tecnologia em funcionamento


Amazfit Verge é o novo relógio inteligente da Xiaomi com tela AMOLED

O produto conta com NFC, GPS e sensor de batimentos cardíacos