Imagem chamada

Pesquisa indica que mais pessoas estão parando de utilizar o Facebook

Os dados indicam insatisfação tanto entre jovens quanto os mais velhos com a rede social

O centro de pesquisas Pew Research ouviu usuários do Facebook e constatou que 42% dos usuários entrevistados tiveram uma pausa longa no uso da rede ou excluíram o aplicativo no último ano. 

21/03/2018 às 18:08
Notícia

Cambridge Analytica, que usou dados do Facebook na campanha d...

Diretor da empresa declarou que o Brasil faz parte dos planos da companhia

A pesquisa levou em consideração usuários do Facebook dos Estados Unidos e foi realizada entre 29 de maio e 11 de junho desse ano, então a repercussão dos vazamentos de dados da rede social pela empresa Cambridge Analytica ainda estava bem frescos na memória das pessoas.

Isto mostra que muitas das pessoas estão com receio do Facebook por questões de privacidade, influência nas eleições do país, práticas questionáveis na moderação de conteúdo e outras questões relacionadas ao uso da rede. 


Hoje mesmo o diretor de operações do Facebook, Sheryl Sandberg está diante do congresso dos Estados Unidos para responder acusações de que governos autoritários estão utilizando a rede para achar e matar inimigos de seus governos

A pesquisa também mostra que o afastamento da rede não é de uma idade específica, 44% dos usuários entre 18 e 29 anos deletaram o aplicativo no últimos 12 meses. O mesmo se dá em idades mais avançadas, 20% das pessoas entre 50-64 anos disseram para a Pew que também excluíram todos completamente o app no mesmo período. 

Mais da metade dos entrevistados também disseram que ajustaram suas configurações de privacidade nos últimos meses. Vale lembrar que a rede social recentemente deixou mais simples de fazer estes ajustes e também deixou mais claro como fazê-las. 

Via: 9to5mac

DJI contrata especialista em legislação para auxiliar nas relações públicas nos Estados Unidos

A empresa chinesa enfrenta resistência de alguns órgãos do governo dos EUA


Qualcomm abre primeiro polo de estudo e desenvolvimento em Internet das Coisas no Brasil

O primeiro foco de estudos do centro será em segurança pública


Análise em vídeo do Xiaomi Mijia Gimbal, estabilizador de filmagem que concorre com o DJI Osmo Mobile 2

Mostramos todos os detalhes, prós e contras do gadget neste vídeo


WhatsApp ganhará modo noturno, indica vazamento

Para a alegria de muitos usuários


Intel e Qualcomm se comprometem a oferecer suporte para Glow, inciativa AI do Facebook

Outras empresas como Marvell também se manifestaram a favor da plataforma