Imagem chamada

Moedas virtuais como Bitcoin e Ether continuam desvalorizando

Quedas nos preços das criptomoedas causam pânico em investidores

As principais criptomoedas, incluindo Bitcoin e Ether, não param de apresentar quedas em seu valor a longo prazo, o que está causando pânico entre os investidores.

26/06/2018 às 13:22
Notícia

A bolha estourou? Bitcoin teve queda de 70% desde seu ápice e...

Na época, moeda estava sendo vendida por US$ 20 mil

A moeda virtual Ether, que é minerada através da plataforma Ethereum, ficou infame entre os jogadores de PC por encorajar o uso de placas de vídeo de médio e alto desempenho para a prática.

Isso causou um aumento nos preços das GPUs e também resultou no esgotamento das placas de vídeo nas lojas. Ao que tudo indica, essa é uma era está para acabar, com o Ether tendo seu valor reduzido em 40% no último mês. Apenas nos últimos dias, a criptomoeda perdeu 13% de seu preço.

"A grande história no mercado hoje é a gigantesca fraqueza no Ethereum. A Bitcoin tem se segurado relativamente bem em comparação com o Ethereum. Ainda assim, ela está relativamente fraca em comparação com o dólar dos EUA".
- Timothy Tam, diretor executivo da CoinFi ao site Bloomberg

Já a Bitcoin, chegou a valer menos de US$ 6.000 (R$ 23.400) durante a semana, muito abaixo dos US$ 19.000 que alcançou no final de 2017. Segundo o site Coin Market Cap, apenas 1 das 100 maiores criptomoedas não apresentou quedas durante as últimas 24 horas.

De acordo com o site Bloomberg, o mercado de capitalização total das moedas virtuais é de US$ 193 bilhões (R$ 754 bilhões) hoje, muito abaixo do pico de US$ 835 bilhões alcançado em janeiro de 2018.

No seu período de maior sucesso em 2017, a Ether chegou a representar uma fatia de 32% da capitalização de mercado das criptomoedas. Na época, ela chegou muito próxima da Bitcoin, que possuía 39%. Hoje, esse panorama foi bastante alterado, com a Bitcoin representando 54% do total enquanto a Ether tem 14% do mercado.

Ainda segundo o Bloomberg, é improvável que a recente turbulência no mercado global, que está sendo impulsionada pela crise na Turquia, tenha relação com a queda das criptomoedas.

"Historicamente, as correlações entre as criptomoedas e outras classes de ativos tem sido extremamente baixas. O que é uma das razões porque existe um interesse nesse espaço e porque as pessoas querem fazer uma alocação neste espaço".
- James Quinn, chefe de marcados da Kenetic ao Bloomberg

Via: TechPowerUp, Adrenaline, Coin Market Cap Fonte: Bloomberg
User img

Carlos Felipe

Renault apresenta EZ-PRO, carro autônomo feito para serviços comerciais e empresariais

O veículo funciona em duas partes, uma operacional e outra para transporte de cargas


Florianópolis terá Wi-Fi gratuito em 178 áreas públicas

A capital de Santa Catarina promete instalação dos pontos de internet gratuita até outubro de 2019


SpaceX fecha acordo com o 1º turista que dará uma volta pela lua

Empresa vai anunciar o nome do viajante na próxima segunda-feira


Canal de previsão do tempo surpreende com cenário 3D com escala em tamanho real

Os vídeos alertam para os perigos do furacão Florence que atinge a Carolina do Norte nesse momento


Startup Impossible Aerospace promete duas horas de voo em seu novo drone profissional

Empresa está repensando o design de drones para vencer seu maior obstáculo: a autonomia