Imagem chamada

Headset de realidade aumentada Magic Leap One chega ao mercado ainda este ano

O produto estará disponível até setembro de 2018

O aguardado headset Magic Leap One, que promete uma experiência avançada de realiade aumentada, finalmente está chegando ao mercado. Após cerca de quatro anos de desenvolvimento, o produto começa a chegar ao mercado até setembro deste ano.

O Magic Leap One: Creator Edition ainda não tem uma data específica de lançamento, mas chegará durante o verão norte-americano, que vai até setembro. O preço do dispositivo também não foi divulgado.

Recentemente, pudemos ver o Magic Leap One em ação durante o programa Central da Copa, da rede Globo. Como informa o Gizmodo, o grupo de comunicação brasileiro é um dos investidores da startup, o que possibilitou os testes na TV aberta.

Com um hardware compacto e que pode ser carregado junto ao corpo, o Magic Leap One vem equipado com chip Nvidia Tegra X2 de três núcleos (dois ARM A57 e um Denver) e uma GPU CUDA de 256 núcleos. A duração de bateria ainda é um mistério.

Segundo a fabricante, o hardware do dispositivo é capaz de processar entre 200 mil e 400 mil polígonos na tela, mas o número deve aumentar com o passar do tempo graças a otimizações de conteúdo.

Atualmente, o produto já suporta o motor gráfico Unity, mas futuramente também vai rodar conteúdos produzidos em Ureal Engine 4.

Via: Tom Hardware

Streaming representa 75% de toda a receita da indústria da música

Receitas com música nos EUA cresceram 10% e alcançaram R$ 18,7 bilhões


Amazon apresenta forno micro-ondas que vem com assistente de voz Alexa

É a Internet das coisas chegando em todos os eletrodomésticos


Mozilla apresenta o Firefox Reality, navegador feito para realidade virtual

O browser foi desenvolvido do zero para funcionar em dispositivos VR


Renault apresenta EZ-PRO, carro autônomo feito para serviços comerciais e empresariais

O veículo funciona em duas partes, uma operacional e outra para transporte de cargas


Nokia está trabalhando em smartphone gamer, indica divisão indiana da empresa

O mercado de smartphones para games está aquecido