HTC dispensa 22% de seus empregados durante reestruturação

HTC dispensa 22% de seus empregados durante reestruturação

Empresa pretende reorganizar operações para otimizar ganhos

A fabricante HTC vem passando por uma crise financeira nos últimos anos e, em sua mais recente atitude para tentar se estabilizar, a companhia demitiu 1.500 funcionários em Taiwan, o que totaliza 22% de sua força de trabalho global.

Segundo as informações compartilhadas pela Reuters, o corte de quase um quarto do quadro de funcionários tem como objetivo "otimizar a organização da empresa". A companhia pretende ganhar força no competitivo mercado de smartphones e continuar crescendo no mercado de realidade virtual, onde atua com a linha de headsets Vive.

15/01/2018 às 15:54
Notícia

HTC apresenta o U11 EYEs, com duas câmeras frontais e reconhe...

Aparelho também conta com leitor de digitais

Ainda não está claro como qual será o resultado final dessa reorganização, mas a empresa diz que a mudança permitirá "operações mais flexíveis". Em março, a HTC contava com mais de 7.300 funcionários.

No fim do ano passado, a empresa taiwanesa fechou um acordo com a Google e vendeu parte de sua equipe que faz smartphones por US$ 1,1 bilhão.

Há cinco anos atrás, quando ainda possuia uma boa fatia do mercado de smartphones, a HTC empregava mais de 19.000 pessoas.

Via: Android Authority
User img

Mateus Mognon

Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

RTX série 30: confira as TECNOLOGIAS que chegam com as novas placas de vídeo da Nvidia

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.