Imagem chamada

Avast descobre malwares pré-instalados em centenas de smartphones com Android

Aparelhos de baixo custo não certificados pelo Google estão entre os mais afetados

Um relatório recente da Avast aponta adwares pré-instalados no Android. Desta forma, mesmo que você tenha todo o cuidado do mundo navegando pela internet, será presenteado com aqueles anúncios irritantes para instalação de jogos. 

15/02/2018 às 10:31
Notícia

Malwares que usam seu PC para minerar criptomoedas devem se t...

Mais de 30 mil sites fizeram isso em 2017, segundo levantamento da AdGuard

Esses malwares apontados pela Avast conseguem ser instalados a nível de firmware, portanto são incrivelmente difíceis de serem removidos e, em alguns casos, quase impossíveis. 

Existem algumas variantes, mas eles funcionam com o mesmo princípio. Os aplicativos responsáveis por infectar o smartphoe são instalados em segredo em uma lista de aplicativos na configuração do sistema. Eles baixam um pequeno arquivo com o endereço URL de onde a APK deve ser baixada. Em seguida a APK é instalada através das linhas de comando do Androidr. Depois disso o adware já está pronto para aparecer durante a navegação. 

Os países mais afetados são Rússia, Itália, Alemanha e França. A Avast conseguiu desabilitar alguns destes malwares através de pedidos para derrubar o servidor deles, mas são rapidamente restaurados usando outro provedor. A empresa também contatou o Google, que passou a investir e segundo ele está utilizando técnicas desenvolvidas internamente para barrar estas aplicações. Uma das soluções 

Via: Avast