Greve dos caminhoneiros causa atrasos nos Correios e suspensão do Sedex

Greve dos caminhoneiros causa atrasos nos Correios e suspensão do Sedex

Os protestos contra o aumento no preço do combustível chegaram ao terceiro dia

Os Correios anunciaram a suspensão de postagens com dia e hora marcada, de categorias Sedex 10, 12 e Hoje, por causa da greve dos caminhoneiros que está acontecendo por todo o Brasil. Além disso, a empresa estatal declarou que entregas comuns também sofrerão atrasos em decorrência dos protestos contra o aumento no preço dos combustíveis.

"Tendo em vista comprometer a distribuição, também haverá o acréscimo de dias no prazo de entrega dos serviços Sedex e PAC [entrega não expressa], bem como das correspondências enquanto perdurarem os efeitos desta greve"
- Comunicado dos Correios

A greve dos caminhoneiros chega hoje ao seu terceiro dia e já afeta operações em  17 estados brasileiros, segundo aponta o G1. Os Correios disseram que os protestos e bloqueios nas estradas tiveram "forte impacto no serviço", que utiliza 25 mil veículos, 1.500 linhas terrestres e 11 linhas aéreas em suas entregas.

"Os Correios estão acompanhando os índices operacionais de qualidade de toda essa cadeia logística e, tão logo a situação do tráfego nas rodovias retorne à normalidade, a empresa reforçará os processos operacionais para minimizar os impactos à população", disse o serviço.

Para quem fez compras pela internet, não há muito o que fazer além de esperar. Mais informações sobre como a greve e o aumento do preço dos combustíveis está afetando cada estado brasileiro estão disponíveis no G1.

Via: G1
User img

Mateus Mognon

Mateus Mognon é formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina. Vencedor do prêmio SET Universitário na Categoria Reportagem Digital, atua nos sites do grupo Adrenaline desde 2014. Atualmente, colabora para os veículos com notícias, análises e artigos envolvendo tecnologia e games.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.