Imagem chamada

Próxima sede da DJI terá ponte para pouso e decolagem de drones

O prédio já está sendo construído em Shenzhen, na China

A próxima sede da DJI vai expressar ainda mais o foco da empresa no mercado de drones. A companhia de arquitetura Foster + Partners está fazendo um prédio para a fabricante chinesa que possui uma ponte aérea para o pouso e decolagem de drones.

De acordo com o site DroneDJ, a próxima sede da DJI já está em construção na cidade chinesa de Shenzhen. O prédio contará com duas torres que contarão com aberturas laterais e uma ponte de conexão perfeita para o lançamento de drones.

A visão da firma de arquitetura é entregar um ambiente com escritórios e "espaços criativos" no céu. “Nosso objetivo é criar um ambiente de trabalho único que incorpore o espírito de invenção e inovação que permitiu à DJI liderar o mundo em robótica e tecnologia”, comenta Grant Brooker, chefe da Foster + Partners.

Você pode conferir um vídeo conceitual do prédio que será a sede da DJI abaixo. Se você gosta de designs futuristas, não deixe de conferir os conceitos de Skyport da Uber.

Via: Drone DJ

O app Litchi ganhou suporte a mais modelos de drones e funcionalidades

Aplicativo alternativo de controle de drones da DJI, traz novidades em atualização


Mantis Q, o drone portátil da Yuneec, entra em pré-venda nos Estados unidos por US$ 499

O drone conta com comandos por voz e gestos


Vívoactive 3 Music é o mais novo smartwatch da Garmin a trazer música integrada

O relógio é capaz de suportar até 500 músicas em seu armazenamento interno


Lenovo anuncia notebook ultrafino ThinkPad P1 para uso profissional

Aparelho portátil tem capacidades de workstation num produto que pesa 1,7kg e tem 17,8mm de espessura


Galaxy Home é o speaker inteligente da Samsung equipado com Bixby

O produto é uma resposta ao Google Home