Imagem chamada

Nubank começa a usar biometria facial para evitar fraudes

Tecnologia é fornecida pela companhia Acesso Digital

A empresa brasileira de finanças Nubank começou a usar biometria facial em sua plataforma de cadastros para evitar fraudes. A Nubank implementou a tecnologia da Acesso Digital, empresa brasileira que possui a maior base nacional privada de faces cadastradas.

Com a tecnologia, chamada de AcessoBio, a companhia tem mais uma arma para evitar tentativas de falsidade ideológica durante solicitações de cartão de crédito.


Segundo a Nubank, a implementação da medida de segurança não vai afetar a experiência dos usuários e deve diminuir o número de pedidos negados indevidamente.

“A biometria facial agrega mais uma esfera de segurança e melhorias na nossa operação, sem ter qualquer impacto na experiência do usuário. Do ponto de vista do cliente, o processo de solicitação do cartão continua simples, rápido e transparente”
- Guilherme Wunsch, líder da área de prevenção a fraudes do Nubank

Segundo a Acesso Digital, a tecnologia AcessoBio conta com um banco de dados de autenticação compartilhado entre grandes fintechs e bancos brasileiros, o que garante resultados durante o uso, ao mesmo tempo que a identidade do cliente é protegida. 

24/10/2017 às 11:45
Notícia

Nubank anuncia serviço de conta-corrente no Brasil, com cadas...

A conta-corrente pretende revolucionar o sistema bancário brasileiro

“O AcessoBio otimiza a segurança e o resultado dos clientes de maneira simples e eficiente, além de proteger o nome dos brasileiros”, explica o fundador da empresa, Diego Martins.