Archos apresenta carteira física Safe-T mini para criptomoedas

Archos apresenta carteira física Safe-T mini para criptomoedas

Dispositivo promete armazenar dinheiro virtual com maior proteção contra hackers

A Archos apresentou uma nova carteira física para moedas virtuais chamada Safe-T mini. O objetivo do produto é permitir que o usuário armazene criptomoedas como a Bitcoin de maneira segura e melhor protegida contra ataques de hackers.


Este é o primeiro produto da equipe de pesquisa e desenvolvimento da Archos, utilizando sua experiência na área de armazenamento frio de dados. Para garantir a rastreabilidade do processo, a o dispositivo será fabricado na França.

O Safe-T mini gera e armazena uma chave privada na carteira, de maneira offline. Todas as operações criptografadas são executadas no próprio dispositivo, que possui uma tela para demonstrar as informações das transações.


Para se comunicar com um computador, a carteira de hardware traz um conector microUSB. Na configuração do Safe-T mini, o usuário configura uma senha de 4 a 9 dígitos, que então é armazenada numa chave privada.

Archos Safe-T mini | Especificações
CPU: ARM Cortex-M3 @ 120MHz
Tela: OLED 128 x 64 pixels
Dimensões: 58 x 7,8 mm
Conector: microUSB HID 2.0
Compatibilidade de SO: Android, Linux, Mac OS X, Windows
Criptomoedas compatíveis: Electrum, MyCrypto, GreenAddress/Greenbits, Mycelium, Bitcoin, Bitcoin Cash, Dash, Litecoin, Zcash, e Ethereum

Via: TechPowerUp
User img

Carlos Felipe

Apaixonado por games desde os 6 anos de idade, quando ganhou um Playstation, época em que também se divertia com o Super Nintendo dos outros. Em 2005 migrou parao PC, e aí começou a se interessar por tecnologia também. Apesar disso, nunca conseguiu largar a preferência por jogos de corrida e de esporte, principalmente os de futebol. Estuda jornalismo na Universidade Federal de Santa Catarina.

40 ATALHOS do WINDOWS 10 para você virar um EXPERT no SISTEMA OPERACIONAL

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.