Pesquisa diz que Xiaomi é a maior empresa de smartphones da Índia, mas Samsung desmente

Pesquisa diz que Xiaomi é a maior empresa de smartphones da Índia, mas Samsung desmente

Samsung tem seus próprios dados e diz que é ela que está bem na frente no país

A Índia pode não estar entre os países mais ricos do mundo, mas seu grande número de pessoas faz do país um dos mais importantes mercados de smartphones e uma aposta para o futuro de muitas empresas. E é por isso que a Samsung não ficou nada contente quando a empresa de análise de dados Canalys disse que a Xiaomi é a maior fabricante de smartphones por lá.

A Canalys divulgou recentemente que a fabricante chinesa levava a vitória por ter enviado 8,2 milhões de unidades de seus produtos para as lojas entre os meses de outubro e dezembro do ano passado. O número é maior que os 7,3 milhões que teriam sido enviados pela Samsung, dando para a Xiaomi a liderança no mercado.


Mas um porta-voz da fabricante do Galaxy informa que, na verdade, a Samsung não só é líder do mercado indiano de smartphones, é ainda com uma boa margem de distância.

A empresa sul-coreana também tem seus números para basear a afirmação. A diferença é que a Samsung usa dados da GfK, outra firma de análises, mas que se baseia nos números de smartphones vendidos para usuários finais, ou seja, os números que realmente saíram das lojas. 

Enquanto a Xiaomi enviou mais aparelhos, nada garante que eles não vão ficar parados no estoque das revendas. A Samsung afirma que os dados da GfK mostra que seus smartphones representaram 45% do dinheiro gasto por compradores durante o período. Baseando-se no número de vendas efetivas, 4 entre cada 10 smartphones na Índia seriam da Samsung. A empresa declarou:

"A Samsung é de longe a companhia número 1 de smartphones na Índia. Segundo a GfK, que acompanha as vendas para consumidores finais, no último trimestre a Samsung teve 45% do valor de mercado e 40% do volume de mercado. A Samsung (...) O mais importante é que a Samsung é a marca "mais confiável" da Índia. Nós devemos nossa liderança indisputável ao amor e confiança de milhões de consumidores na Índia."

Fonte: Phone Arena
User img

João Gabriel Nogueira

Somente 10% dos americanos gastam US$ 1.000 ou mais em um novo smartphone

Somente 10% dos americanos gastam US$ 1.000 ou mais em um novo smartphone

Pesquisa apontou também que, em grandes cidades dos EUA, este porcentual é maior


Xiaomi mostra as primeiras imagens-teaser do Smart Display Pro 8

Xiaomi mostra as primeiras imagens-teaser do Smart Display Pro 8

A tela inteligente chega como uma concorrente da Google Net Hub, Amazon Echo Show e outras


Samsung volta atrás e nega ter vendido 1 milhão de unidades do Galaxy Fold

Samsung volta atrás e nega ter vendido 1 milhão de unidades do Galaxy Fold

Número de vendas foi confirmado pelo presidente da empresa no TechCrunch Disrupt


Novo fone de ouvido sem fio da Xiaomi ganha certificado Bluetooth

Novo fone de ouvido sem fio da Xiaomi ganha certificado Bluetooth

Dispositivo se chama Mi True Wireless Earphones 2S


Xiaomi Mi 10 será lançado no primeiro trimestre de 2020

Xiaomi Mi 10 será lançado no primeiro trimestre de 2020

Informação foi confirmada por um representante da Redmi na rede social Weibo.