Número de investidores em Bitcoins ultrapassa os da bolsa de valores

Número de investidores em Bitcoins ultrapassa os da bolsa de valores

Criptomoeda já possui mais investidores ativos que o tradicional Tesouro Direto

De acordo com informações divulgadas pelo site G1,  há mais que o dobro de investidores ativos de bitcoins do que pessoas físicas cadastradas na B3, a bolsa de valores paulista. Os dados são baseados na três maiores casas de câmbio da criptomoeda do país, que juntas representam cerca de 95% das transações nacionais de bitcoins.

Ao total são 1.4 milhão de cadastros realizados ao final de 2017, sendo que a B3 possui 619 mil pessoas físicas cadastradas. Esse valor impressiona por superar outros investimentos tradicionais, como o Tesouro Direto, que possui um total de 558 mil investidores segundo dados de novembro. É importante destacar que podem haver CPFs duplicados tanto nos cadastros das empresas que movimentam bitcoins quanto na bolsa.

Muito dos investidores estão sendo atraídos devido à surpreendente valorização da criptomoeda, que iniciou 2017 com valor de US$ 1.000 e chegou a ser vendida 12 meses depois por muito próximo dos US$ 20.000. O Banco Central chegou a emitir um comunicado alertando sobre os riscos de negociar as moedas virtuais, com possibilidade de "perda de todo o capital investido".

Por conta de suas excessivas variações de valores, a bitcoin não tem conseguido cumprir seu propósito inicial de atuar com uma moeda. A loja virtual de games Steam deixou de aceitar bitcoins como forma de pagamento devido à grande variação na cotação da moeda e às altas taxas para realizar transações. Da mesma forma rápida como valorizou, recentemente a bitcoin apresentou uma queda brusca de 21% em seu valor, retornando para a casa dos US$ 13 mil. Você confere abaixo dados atualizados da cotação da criptomoeda:

O crescimento dos investidores e, principalmente, das exchanges - casas de câmbio de criptomoedas - tem feito disparar também o número de reclamações. Na maioria dos casos, os problemas são relacionados a estorno de valores e finalização de compras. 

Fonte: G1
User img

Diego Kerber

Formado em Jornalismo pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), Diego Kerber é aficionado por tecnologia desde os oito anos, quando ganhou seu primeiro computador, um 486 DX2. Fã de jogos, especialmente os de estratégia, Diego colabora com a Adrenaline na produção de notícias e artigos na coluna "Vida Digital".

Os novos SMARTPHONES da LG: K52, K62 e K62+ | Unboxing

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.