Samsung recebe patente de baterias de grafeno que duram mais e carregam 5 vezes mais rápido

Samsung recebe patente de baterias de grafeno que duram mais e carregam 5 vezes mais rápido

A Samsung obteve uma patente da tecnologia de sintetização de uma "bola de grafeno" que pode ser usada para fazer as baterias de íons de lítio durarem mais tempo e carregarem mais rápido.

De acordo com a companhia, o novo material permite criar baterias com capacidade de 45% maior. O motivo é que a nova invenção permite a produção de modelos com densidade de energia volumétrica extremamente alta.

A patente também aponta que a bola de grafeno vai permitir carregar baterias de maneira 5 vezes mais rápida do que antes. Os pesquisadores usaram como exemplo uma bateria que carrega totalmente em 1 hora. Esse modelo carregaria em 12 minutos com a nova tecnologia.

Outra vantagem das novas baterias é operar numa temperatura de 60ºC, a mesma necessária para uso em veículos elétricos. O grafeno é sintetizado utilizando o composto SiO2, também conhecido como dióxido de silício ou sílica. Esse material serve como o ânodo e o cátodo das baterias de íons de lítio.

A descoberta foi feita pelo Samsung Advanced Institute of Technology (SAIT), instituto de tecnologia da companhia localizado na Coreia do Sul.

A novidade foi publicada na conceituada revista científica Nature recentemente. A patente foi registrada na Coreia do Sul e nos Estados Unidos.

As baterias de íons de lítio são comercializadas desde 1991 e viraram padrão da indústria de dispositivos eletrônicos, com uso em notebooks, smartphones e até em carros elétricos.

Porém, como aponta o site CNET, a tecnologia já apresenta suas limitações. Ela já encontra limitações de capacidade e de velocidade de carregamento.

Além disso, baterias de íons de lítio correm o risco de explodir se perfuradas. Falhas no design da bateria (e do dispositivo também) levaram ao recall de milhões de unidades do Galaxy Note7, após vários modelos do aparelho pegarem fogo.

Somente 10% dos americanos gastam US$ 1.000 ou mais em um novo smartphone

Somente 10% dos americanos gastam US$ 1.000 ou mais em um novo smartphone

Pesquisa apontou também que, em grandes cidades dos EUA, este porcentual é maior


iPhones 11 de ouro temáticos para o Natal conseguem ser mais caros que o Mac Pro

iPhones 11 de ouro temáticos para o Natal conseguem ser mais caros que o Mac Pro

Estética é um conceito subjetivo, mas dinheiro não


Samsung volta atrás e nega ter vendido 1 milhão de unidades do Galaxy Fold

Samsung volta atrás e nega ter vendido 1 milhão de unidades do Galaxy Fold

Número de vendas foi confirmado pelo presidente da empresa no TechCrunch Disrupt


LG apresenta linha Gram 2020, notebooks com até 20h de autonomia

LG apresenta linha Gram 2020, notebooks com até 20h de autonomia

A empresa divulgou quatro modelos do dispositivo, com telas entre 14 e 17 polegadas


Xiaomi Mi 10 será lançado no primeiro trimestre de 2020

Xiaomi Mi 10 será lançado no primeiro trimestre de 2020

Informação foi confirmada por um representante da Redmi na rede social Weibo.