Após meses recebendo bitcoins, carteiras virtuais do WannaCry começam a ser esvaziadas

Após meses recebendo bitcoins, carteiras virtuais do WannaCry começam a ser esvaziadas

As carteiras virtuais de Bitcoin com vínculos ao ransomware WannaCry começaram a ser esvaziadas nesta manhã. Três endereços de carteiras eram o destino do pagamento de resgate das vítimas do WannaCry. Elas acumularam até o dia 02 de agosto o total de 52.19666422 BTC (US$ 142.361,51).

Nas primeiras horas do dia 03 de agosto, o dinheiro começou a ser retirado das carteiras originais com um novo destino: as bitcoins foram transferidas para outras nove carteiras. 

Analistas de segurança afirmam que WannaCry pode ter vínculos com Coreia do Norte

Os dados da movimentação das carteiras do WannaCry podem ser acompanhados pelo bot actual_ransom no Twitter, criado por Keith Collins. De acordo com o bot, o último depósito feito para o WannaCry foi no dia 24 de julho.

Quase 100% dos PCs afetados pelo WannaCry eram Windows 7 - XP mal aparece na contagem

Navegador Opera 65 traz proteção contra rastreamento na Web melhorada

Navegador Opera 65 traz proteção contra rastreamento na Web melhorada

Versão 65 também introduz uma barra de endereços redesenhada e outras novidades


Funcionários que utilizam Mac rendem mais, diz IBM

Funcionários que utilizam Mac rendem mais, diz IBM

Colaboradores com dispositivos Apple são mais propensos a permanecer na empresa e a fechar negociações mais lucrativas


Aplicativos Web ficarão mais rápidos no Google Chrome

Aplicativos Web ficarão mais rápidos no Google Chrome

Alguns deles também poderão ser usados sem conexão à internet disponível


SpaceX lança ao espaço 60 satélites Starlink para oferecer internet espacial

SpaceX lança ao espaço 60 satélites Starlink para oferecer internet espacial

Projeto de internet global da empresa vai precisar de 12 mil satélites em órbita


China está exportando drones com metralhadoras para o Oriente Médio

China está exportando drones com metralhadoras para o Oriente Médio

O veículo autônomo comercializado é o Blowfish A2 e se caracteriza como um drone militar letal