Facebook adquire startup de copyright Source3 para combater vídeos piratas

Facebook adquire startup de copyright Source3 para combater vídeos piratas

O Facebook acaba de adquirir a startup Source3, que cria tecnologias com o objetivo de detectar propriedades intelectuais que foram compartilhadas na internet sem permissão. O objetivo é combater o compartilhamento de vídeos pirateados na rede social.

Ao menos parte da equipe da Source3 deverá ser incorporada pelo Facebook, como foi detalhado no site oficial da startup. O valor da negociação não foi revelado, mas recentemente a companhia conseguiu levantar US$ 4 milhões (R$ 12 milhões) em capital de risco, segundo o site Crunchbase.

Facebook começa a "fazer dinheiro" com os vídeos da rede social

"Nós estamos empolgados em trabalhar com a equipe da Source3 e aprender com a expertise que eles criaram em propriedade intelectual, marcas registradas e copyright", disse um porta-voz do Facebook. "Como sempre, nós estamos focados em garantir que servimos bem nossos parceiros".

Desde 2015, o Facebook busca maneiras de lidar com a pirataria de vídeos. Naquela época é que a empresa lançou o "Rights Manager", tecnologia que detecta e remove vídeos postados por pessoas que não possuem os direitos.

Em abril de 2017, a rede social ganhou uma nova opção para os criadores originais dos vídeos: manter a versão pirata no ar e lucrar com suas visualizações.

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

User img

Redação MC

Redação do Mundo Conectado

Vem aí as Smart TVs 4K baratinhas da Amazon! O que esperar? Fire TV OS + Prime Video + Alexa

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.