Polícia Militar de São Paulo abre licitação de R$ 1 milhão para compra de iPhones

Aquisição de aparelhos da Apple fazem parte de um processo modernização tecnológica da PM

Polícia Militar de São Paulo abre licitação de R$ 1 milhão para compra de iPhones
Créditos: Daniel RomeroUnsplash

Nesta semana, junto com o Governo do Estado de São Paulo, a Polícia Militar abriu uma licitação para a compra de 200 celulares funcionais para os oficiais de alta patente da corporação, onde o valor total da aquisição ultrapassa R$ 1 milhão. Apesar de não citar diretamente o iPhone 12, as especificações do modelo requisitado são do dispositivo da Apple.

04/08/2022 às 09:20
Notícia

Mais problemas: lançamento do iPadOS 16 pode ser adiado para ...

Apple estaria tentando arrumar bugs da nova função de multitasking do sistema operacional do iPad

Segundo o G1, o edital descreve a compra de 200 modelos em duas ofertas, onde na primeira, 150 unidades seriam compradas por R$ 5.710 cada, total de R$ 856.500. Já na segunda, 50 dispositivos móveis seriam adquiridos pelo preço de R$ 6.185 cada, totalizando R$ 309.250. Juntos, todos os aparelhos da Apple custariam exatamente R$ 1.065.750.

O edital mostra que as características solicitadas são celulares com memória de 128 GB, tela “super retina XDR”, resistência a água, câmera dupla, modo retrato, Face ID e processador da Apple A14 Bionic. O documento ainda reitera: “É vedada a oferta de aparelhos de características tecnológicas e construtivas inferiores às aqui estabelecidas”.

Vale destacar que em sites confiáveis na internet, o mesmo modelo custa em média R$ 4.400 cada. Enquanto outros dispositivos Android com funcionalidades similares, como o modelo Samsung Galaxy S20 por exemplo, custam cerca de R$ 2.000.

Modernização Tecnológica da PM

De acordo com a organização, a aquisição dos aparelhos fazem parte de um processo modernização tecnológica da PM, melhorando os equipamentos dos oficiais "assim como a aquisição de outras ferramentas: armas de incapacitação neuromuscular, armas letais de última geração, câmeras operacionais portáteis, sistema de telemetria embarcada, câmeras térmicas para atuação em incêndios, drones, coletes balísticos mais leves e câmeras viárias inteligentes”.

Ainda segundo a PM, a compra também se justifica por conta desses equipamentos serem utilizados para transmitir dados sensíveis de ocorrências, além de envio de imagens de atividades da corporação, que exigem sigilo e segurança.

Esses iPhones chegariam para oficiais de alta patente da polícia do estado, já que soldados, cabos, sargentos e subtenentes não têm direito a celular funcional, utilizando somente seus dispositivos pessoais.

Em nota, a Polícia Militar de São Paulo também informou que os valores são apenas de referência e que no momento da aquisição, os valores serão analisados conforme as práticas do mercado de smartphones.

Continua após a publicidade

Veja também: iPhone 14: preço não deve subir em relação ao iPhone 13.

Fonte: G1

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.