iPhone 14: Sunny Optical será fornecedora de lentes para o novo celular da Apple

Empresa também irá fornecer peças para câmeras LiDAR do futuro iPhone 15

iPhone 14: Sunny Optical será fornecedora de lentes para o novo celular da Apple
Créditos: Apple/Reprodução

De acordo com informações do leaker Ming-Chi Kuo, a Apple escolheu a empresa chinesa Sunny Optical para ser a fornecedora das peças das câmeras do novo iPhone 14. A empresa ficará responsável por produzir as lentes de sete elementos que ficam acima da câmera wide.

A Sunny Optical irá fabricar as peças para os modelos Pro e  Pro Max, mas também estará responsável por parte das lentes presentes nas câmeras dos dispositivos iPhone 14 e iPhone 14 Plus. As fabricantes Largan e Genius também serão responsáveis por fornecer as peças para o restante do conjunto de câmeras.

Até o momento, a Apple não confirmou quando irá revelar oficialmente o novo iPhone, mas tudo indica que o produto será anunciado em setembro. O novo iPhone deve trazer um sensor de 48 MP para as versões Pro e Pro Max, enquanto o iPhone 14 e a versão Plus devem continuar com sensores de 12 MP na câmera wide.

leaker aponta que a companhia será responsável pela maior quantidade de lentes do novo iPhone. "Dentre as lentes do iPhone, as lentes da câmera wide são as que mais contribuem para o lucro. Por isso, o impacto importante da vitória da Sunny Optical na fatia do mercado em cima da Largan e Genius é lucro, não receita". Além disso, Sunny Optical saiu na frente e parecer ter se garantido como principal fornecedora das lentes ToF (time-of-flight) da câmera LiDAR, presentes no futuro iPhone 15. 

Apple registrou crescimento no último trimestre

Na última quinta-feira (28), a Apple anunciou os resultados financeiros para o terceiro trimestre de 2022. Assim como outras empresas da indústria de tecnologia, o momento não é de altas expressivas, mesmo assim a Apple fechou o trimestre em alta de 2%, com US$ 83 bilhões. O segmento de serviços, que inclui Apple Music, iCloud e AppleCare+ foi o que mais cresceu, com aumento de 12%. Já o segmento de iPhones cresceu 3%, enquanto o MAC registrou queda de 10%.

Enquanto a empresa cresceu 36% no terceiro trimestre de 2021, não podemos considerar os resultados de 2022 como ruins. Afinal a Apple conseguiu manter seu crescimento, mesmo com a atual situação econômica mundial, que vêm colocando pressão nas empresas do setor de tecnologia. Ao que tudo indica, apesar da situação econômica mundial, a empresa mantém seus planos dentro do cronograma.

Fonte: BGR

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.