X-59: conheça o novo projeto de avião supersônico silencioso desenvolvido pela NASA

Desenvolvido em parceria com a Lockheed Martin, avião promete ser o futuro do voo supersônico comercial

X-59: conheça o novo projeto de avião supersônico silencioso desenvolvido pela NASA
Créditos: Lockheed Martin/Divulgação

O X-59 QueSST é o novo avião que está em desenvolvimento pela NASA, que promete uma aeronave supersônica mais silenciosa do que as existentes.

Programado para realizar o seu primeiro voo até o final do ano, o X-59 é um projeto que está a cargo da empresa estadunidense Lockheed Martin, que firmou um contrato de US$ 247,5 milhões com a NASA para a construção do avião.

O projeto faz parte do programa Quest (Quiet SuperSonic Technology), gerenciado por Craig Nickol, que relatou que o avião supersônico contará com uma nova aerodinâmica, que fará com que o barulho gerado por esse tipo de aeronave seja significamente reduzido. 

X-59 será uma aeronave com design fino, longo, com cerca de 30,5 metros e emitirá sons de apenas 75 decibéis, equivalente ao barulho de uma motocicleta. Confira abaixo o vídeo de montagem da aeronave:

O que isso significa é que esta aeronave pode soar como um trovão distante no horizonte, ou como alguém fechando a porta de um carro na esquina”, diz Nickol. “Pode até ser que as pessoas não ouçam o estrondo e, se o fizerem, certamente não se assustarão, porque será baixo e espalhado, e não tão alto assim.

A importância do avião supersônico X-59

Caso o voo de teste seja bem-sucedido, a NASA planeja voar com o X-59 para o teste no Armstrong Flight Research Center da agência na Califórnia em 2023 e provar que pode produzir um baque sônico mais silencioso e é seguro operar no National Airspace System. Com isso, em 2024, a NASA voará com o X-59 sobre várias comunidades ao redor do país para avaliar a resposta das pessoas ao som sônico produzido pela aeronave.

Os dados coletados serão entregues à Administração Federal de Aviação e à Organização Internacional de Aviação Civil para sua consideração na mudança das proibições existentes de voos supersônicos sobre terra”, segundo a NASA.

Tudo isso devido a acordos internacionais que proíbem que voos em rotas comerciais atinjam velocidades acima do som em áreas habitadas. Aviões supersônicos, viajando acima de 1234,8 km/h podem criar ondas de choque no ar que atingem o solo e geram grandes estrondos sônicos, o que pode assustar e incomodar os habitantes.

Continua após a publicidade

Caso obtenha sucesso em seus testes, a NASA pretende apresentar à Organização da Aviação Civil Internacional (ICAO) uma proposta para alteração da regulamentação de aeronaves supersônicas e com isso será possível seu uso em áreas habitadas.

Fonte: Lockheed Martin

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.