Empresas chinesas mudam estratégia e atacam Samsung em smartphones de entrada

Marcas da China devem retomar mercado com faixa de preço de R$ 800 reais

Empresas chinesas mudam estratégia e atacam Samsung em smartphones de entrada
Créditos: Divulgação/Samsung

No mundo empresarial você pode seguir algumas estratégias para superar o seu rival, como bater de frente no ponto forte dele ou ganhar pelo volume de vendas. A estratégia das fabricantes chinesas de smartphone para tentar destronar a Samsung foi entrar no segmento de produtos high-end, deixando de lado seus produtos focados no custo-benefício. A ideia até pareceu boa no início, mas a estagnação nas vendas levará as marcas da China a retornar para seus smartphones baratinhos

20/07/2022 às 11:20
Notícia

Samsung confirma lançamento do Galaxy Z Flip 4 e Z Fold 4 no ...

Nova geração do Z Flip ganha um teaser nas redes sociais

Xiaomi, vivo, Huawei, POCO, Redmi, Oppo...

Tirando a Samsung e iPhone, das cinco fabricantes de smartphone que mais vendem no mundo, três são chinesas (Xiaomi, vivo e Oppo). A Samsung lidera o top 5 por atender mais segmentos de celulares que a Apple, segunda colocada. Com as linhas Galaxy A, Galaxy M, Galaxy S e Galaxy Z, a Samsung vende smartphones para diversas faixas de preço, com os Galaxy A e Galaxy M sendo os mais baratos.

As três empresas chinesas citadas desenvolveram aparelhos topos de linha para rivalizar com a Samsung e um portfólio completo de smartphones, com aparelhos baratos e caros. A tática deu certo, elas botaram o seu nome no mundo e na lista das cinco fabricantes que mais vendem no mundo. Mas com as posições no mercado estagnando, as marcas da China retomarão o seu foco para smartphone, diz o site de notícias IT Home, também da China.

Marcas chinesas recriarão segmento de US$ 150 dólares

Segundo o site, as fabricantes chinesas focarão em smartphones de entrada com melhor fabricação. Isso quer dizer que as empresas usarão melhores configurações e componentes no chassi, como peças de metal. A ideia é ter uma ótima resistência e desempenho para tarefas mais usadas (no Brasil seria o WhatsApp) e um preço de lançamento baixo: US$ 150, pouco mais de 800 reais na conversão direta. Esse preço praticamente desapareceu nos mercados ao redor do mundo — quando falamos no valor de estreia. Será que voltando o foco para esse segmento as fabricantes chinesas tomarão o trono da Samsung?

 

Fonte: Sam Mobile

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.