Telescópio Espacial James Webb utiliza SSD de 68 GB

Seu smartphone pode ter mais armazenamento que um equipamento de US$ 10 bilhões

Telescópio Espacial James Webb utiliza SSD de 68 GB
Créditos: Divulgação/NASA

O Telescópio Espacial James Webb, o mais caro da história da humanidade e também o maior telescópio espacial já feito — aproximadamente 1,5 m menor que uma quadra de tênis — , é equipado com um SSD de 68 GB. Sim, 4 GB a mais que um iPhone 6S e um smartphone intermediário. A informação surpreende ao olharmos as altíssimas qualidades das imagens capturadas pelo JWST, mas felizmente ele envia seus dados pela nuvem — quase que literalmente. 

18/07/2022 às 14:57
Notícia

#RenameJWST: campanha acusa James Webb de homofobia e quer re...

Como secretário de Estado e diretor da NASA, Webb teria aplicado políticas discriminatórias contra pe...

James Webb envia dados via rádio periodicamente

Se a sua mãe ou a sua vó reclama de estar com o celular cheio de imagens de baixa qualidade recebidas no WhatsApp, é totalmente natural imaginar que o SSD do James Webb encha rapidamente. E sim, isso pode acontecer. O sistema de armazenamento de dados do JWST pode encher o SSD completamente em quase 2 horas a uma velocidade de 48 Mbps — e 3% do SSD é usado para o "sistema operacional". Mas o telescópio envia os dados para a Terra através da Banda Ka (25,9 Ghz) a 28 Mbps. Duas vezes ao dia, durante 4 horas, o James Webb transfere 28,6 GB (em cada período) de dados para a NASA.

Assim, todos os 57 GB de dados que o telescópio acumula durante o dia é enviado para a Terra e ele pode iniciar todo o trabalho novamente. Como tudo é feito com o máximo de proteção contra a radiação cósmica e uso habitual, o SSD do James Webb terminará os 10 anos (planejados) de serviço com 60 GB de armazenamento. Provavelmente o seu PC perderá mais que 8 GB de armazenamento em menos tempo — cuide do seu SSD.

James Webb: anos de produção até o lançamento

O projeto do telescópio James Webb foi desenvolvido pela National Aeronautics and Space Administration (NASA) em conjunto com as agências espaciais europeias e canadense. Inicialmente, era previsto para ter sido lançado em 2007. Mas alguns problemas atrasaram o lançamento do modelo, um deles foi o alto custo de produção do telescópio James Webb, que estava aumentando cada vez mais e, ainda em 2005, fizeram os engenheiros repensar o projeto original.

13/07/2022 às 15:15
Notícia

James Webb x Hubble: compare as imagens capturadas pelos tele...

NASA já divulgou as cinco primeiras imagens coloridas do JWST

Em 2016 o telescópio foi declarado como pronto, mas novamente o seu projeto foi suspenso por complicações de construção e ficou assim até 2019, quando ele finalmente foi montado. Entretanto, devido a pandemia causada pela COVID-19, mais atrasos aconteceram até a NASA finalmente marcar o dia 18 de dezembro de 2021 para o lançamento.

Através dele os pesquisadores poderão observar ainda mais coisas do espaço, podendo ver algumas das galáxias mais antigas do universo e outros corpos celestes, como buracos negros. Sua operação iniciou no dia 12 de julho de 2022.

Via: DP Review Fonte: Engadget

.....

Está pensando em comprar algum produto online? Conheça a extensão Economize do Mundo Conectado para Google Chrome. Ela é gratuita e oferece a você comparativo de preços nas principais lojas e cupons para você comprar sempre com o melhor preço. Baixe agora.

O que você achou deste conteúdo? Deixe seu comentário abaixo e interaja com nossa equipe. Caso queira sugerir alguma pauta, entre em contato através deste formulário.